Paris com crianças
Guia

Paris com crianças – o que fazer

Passeios, hotéis e restaurantes

Paris é sempre uma boa ideia. Paris com crianças é uma ÓTIMA ideia. A cidade é cheia de parquinhos públicos, praças, parques, museus e outras atrações para crianças, com muita interatividade. Até a comida é ótima para crianças, em praticamente todo restaurante que você parar (carne, batata, legumes…). E os supermercados estão cheios de papinhas orgânicas, frutas, pães fresquinhos e sucos naturais.

Descubra aqui nesse post o que fazer em Paris com crianças pequenas. Acabamos de voltar de uma viagem pela capital francesa com 2 filhos pequenos: Vinicius com 3 anos e meio & Miguel com 1 ano e meio.

Para dicas gerais de Paris (adultos com ou sem crianças), para quem vai pela primeira vez (ou segunda, terceira…) e quer programar o roteiro, já tem um post super completo aqui no blog: lalarebelo.com/paris (incluindo museus, praças, restaurantes e muito mais).

O post de hoje é dedicado à programação de Paris com crianças

[O QUE FAZER – Onde ir em Paris com crianças]

  • LUDO JARDIN

O Ludo Jardin é um parquinho novo (de 2019) muuuuito gracinha no Jardin de Luxembourg. Crianças com mais de 2 anos pagam 3 euros e adultos pagam 1 euro. Tem escorregador (até um pouco radical, mas o Vini amou), um tipo de “tirolesa”, gangorras, tanque de areia e algumas outras atividades bem interessantes e interativas. O parque é eco-friendly, feito de materiais sustentáveis. Eles amaram. Achávamos que era um programa para alguns minutos e acabamos ficando 1h30.

LUDO Jardin Jardin de Luxembourg Paris
LUDO Jardin – parquinho no Jardin de Luxembourg | foto: Lala Rebelo
LUDO Jardin Jardin de Luxembourg Paris
Tem também alguns brinquedos para os menorzinhos | foto: Lala Rebelo
LUDO Jardin Jardin de Luxembourg Paris
E algumas atrações mais radicais como o escorregador da torre e essa tirolesa | foto: Lala Rebelo

Ao lado do Ludo Jardin há um carrossel muuuuito antigo, ainda em funcionamento. E se estiverem com fome, o restaurante que fica bem em frente, La Table du Luxembourg, é gostosinho (meu croque monsieur estava ótimo!!), além do ambiente agradável.

paris com crianças - jardin du luxembourg
Carrossel antigo no Jardim de Luxemburgo em Paris | foto: Lala Rebelo
paris com crianças - jardin du luxembourg
Lááá no fundo: Restaurante La Table du Luxembourg, em frente ao Ludo Jardin | foto: Lala Rebelo
  • PIQUENIQUE NO JARDIM DE LUXEMBURGO

Falando ainda de Jardim de Luxemburgo, esse é um dos meus parques preferidos em Paris. É enorme (o maior parque público de Paris, com 224 mil m2), arejado, liiiindo… O visual dos laguinhos com o palácio é muito UAU. Então esse é o endereço mais indicado para um piquenique em Paris.

Infelizmente, fomos para o piquenique mas o dia estava bem chuvoso. Cancelamos. Acabamos fazendo o piquenique no dia seguinte, em frente à Torre.

jardin du luxembourg paris
Eu e Ricardo no Jardin de Luxembourg em 2014, antes dos filhos! Chuva também… 7 anos atrás!
paris com crianças - jardin du luxembourg
E chuva em 2021 também! Versão com kids

Mas juro que faz dias de sol no Luxemburgo também! hahahahaha É lindo!! Só não fotografei.

  • SUBIR NA TORRE EIFFEL

Eu tinha subido na torre só em 2009, estava com saudades. As crianças estavam muuuito animadas para subir! Mas, não dê bobeira. Os lugares são limitados e os ingressos estão esgotando muito rápido (compre pelo site oficial). Não conseguimos os ingressos online, então o único jeito foi comprar um tour da GetYourGuide que incluía o ingresso da torre (custou 90 euros vs. os 50 euros que custaria comprando direto. Menores de 4 anos não pagam ingresso).

Compramos para ir até o topo (le sommet), mas o segundo andar já é legal! Vini amou a vista, a torre, mas principalmente o primeiro elevador!! Achou super interessante o maquinismo e o fato de ter dois andares. O primeiro andar, que poucos vão, é interessante porque tem o piso de vidro.

Recomendo reservar para os primeiros horários da manhã, pois os procedimentos de segurança (duas máquinas de raio x) demoram demais e formam uma fila enooorme até para quem tem ingresso.

Atenção carrinho de bebê: até o segundo andar é super fácil ir de carrinho, pode ir com ele no elevador e tudo mais. Agora, para subir no topo, precisa fechar o carrinho e levar o bebê no colo (ou largar o carrinho no segundo andar, caso o seu não feche).

Paris com crianças - torre eiffel
Dia lindo para subir na Torre Eiffel | foto: Lala Rebelo
Paris com crianças - torre eiffel
Vista do segundo andar da Torre Eiffel | foto: Lala Rebelo
Paris com crianças - torre eiffel
Vista do topo da Torre Eiffel | foto: Lala Rebelo
Paris com crianças - torre eiffel
Os filhos não muito animados para a foto hahaha
  • PIQUENIQUE NO CHAMPS DE MARS, AOS PÉS DA TORRE EIFFEL

Esse é o lugar mais comum para se fazer piquenique em Paris. Alguns locais me disseram para tomar cuidado com os ratos kkk. Mas como fomos no outono e o gramado do Champs de Mars estava vazio, não vimos nenhum. Saímos da torre, passamos em uma boulangerie e armamos nosso piquenique ali (era meu aniversário). A toalha levamos de casa. Nós fizemos um piquenique improvisadinho mesmo, bem simples. Mas quem quiser algo uau, me indicaram a @picnicemparis1 (não conheci pessoalmente).

PIQUENIQUE TORRE EIFFEL
Piquenique no Champs de Mars, aos pés da Torre Eiffel | foto: Lala Rebelo
PIQUENIQUE TORRE EIFFEL
Alguém não queria parar de comer baguete hahaha | foto: Lala Rebelo
PIQUENIQUE TORRE EIFFEL
Compramos um bolinho para comemorar o meu aniversário | foto: Lala Rebelo

PIQUENIQUE TORRE EIFFEL

  • CARROSSEL EM FRENTE À TORRE EIFFEL

Há um carrossel super charmoso aos pés da torre. Custa 3 euros por pessoa.

carrossel torrei eiffel paris
O lindo carrossel em frente a Torre Eiffel | foto: Lala Rebelo

carrossel torrei eiffel paris

A Disneyland Paris (não, ela não se chama mais “Eurodisney”) é composta por dois parques: Disneyland e Walt Disney Studios. Com filhos pequenos e com tempo limitado na França, optamos por ir apenas no primeiro, que é “tipo um Magic Kingdom”, com atrações mais infantis. Mas há também opções para maiorzinhos e adultos (em ambos os parques).

O jeito mais fácil de chegar é de RER A (trem metropolitano), que sai de Paris e chega em 50 minutos na PORTA da Disney. Custa 7eur/adulto o trecho. Outra forma é ir de Uber, que custa 70eur em média o trecho. Demora praticamente a mesma coisa.

Compre seu ingresso da Disney com antecedência pelo site oficial, pois agora a capacidade do parque é bem mais limitada e esgota rápido. Outra dica é baixar o app da Disneyland Paris e já fazer reservas de restaurantes por lá.

Se não quiser comer hot dog e coisas do tipo, e ainda pegar fila, recomendo escolher um buffet. Comemos no Plaza Gardens (all you can eat buffet) e custou 36eur/adulto e 19eur/crianças de 3 anos a 11 anos. Reserve com bastante antecedência, pois nós já não conseguimos um lugar para o almoço mesmo tentando 15 dias antes da visita. Então acabamos almoçando um lanche e jantando mais saudável (comidinha mesmo, como carne, purê, arroz, vegetais etc.) por lá. Ah, tem um baby center perto da Main Street, com cadeirões, trocadores e microondas para preparar alimentos e leites dos bebês.

Atrações que fomos com nossos dois filhos pequenos (3,5 anos e 1,5 ano): Dumbo, Carrossel, It’s a Small World (eles aaaaamaaaam), Labirinto da Alice, Trem do Casey Jr. (rapidinho e emocionante, adoraram) e Xícara Maluca (zero fila e curtiram muito, mas se você costuma enjoar, evite!!). Também ficamos um tempinho em um PARQUINHO que existe na Frontierland que é bem legal!! Vimos alguns personagens (na pandemia, não pode encostar) e assistimos a alguns desfiles (as grandes parades estão suspensas no momento). Queria muito ir na atração do Peter Pan Flight, mas a fila estava enorme. Tentamos o Fast Pass (que agora é PAGO – 14eur ou 7eur por pessoa e por atração), mas não conseguimos, estava esgotado.

Achei bem gostosinha a Disneyland Paris. O parque é menor que o de Orlando, então a gente consegue aproveitar bem com as crianças pequenas.

Dica: na Disney faz mais frio do que em Paris. Vá bem agasalhado.

Disneyland Paris
Disneyland Paris | foto: Lala Rebelo
Disneyland Paris
A carinha do Miguel no Dumbo | foto: Lala Rebelo
Disneyland Paris
Labirinto da Alice | foto: Lala Rebelo
Disneyland Paris
It’s a Small World é sempre um sucesso por aqui | foto: Lala Rebelo
Disneyland Paris
It’s a Small World | foto: Lala Rebelo
Disneyland Paris
Um balão de 10 euros que só causou discórdia entre irmãos hahaha
Disneyland Paris
Trem do Casey Jr é rapidinho e eles amam!!! Pouca fila | foto: Lala Rebelo
Disneyland Paris
Encontro com personagens na Disney agora é assim separado pela corda | foto: Lala Rebelo
Disneyland Paris
Parquinho na Frontierland – Disneyland Paris | foto: Lala Rebelo
disneyland paris
Parquinho na Frontierland – Disneyland Paris | foto: Lala Rebelo
disneyland paris
Um dormindo na mochila (canguru) e o outro no carrinho | foto: Lala Rebelo

disneyland paris

disneyland paris
Xícara maluca – se for de enjoar, não vá! Ou deixe para o fim! hahaha | foto: Lala Rebelo
disneyland paris
Carrossel na Disney é sempre um clássico! | foto: Lala Rebelo
disneyland paris
Restaurante buffet all you can eat na Disneyland Paris – Plaza Gardens | foto: Lala Rebelo

disneyland paris

disneyland paris
Restaurante Plaza Gardens – Disneyland Paris | foto: Lala Rebelo

disneyland paris

disneyland paris
Baby Center – Disneyland Paris | foto: Lala Rebelo
disneyland paris
Baby Center – Disneyland Paris | foto: Lala Rebelo
trem para disneyland paris RER A
Estação de RER A da Disney (Marne La Vallé)
trem para disneyland paris RER A
Dentro do trem (RER) voltando da Disney para Paris | foto: Lala Rebelo

Muita gente ama mais o Jardin d’Acclimatation do que a Disney!! É um parque de diversões histórico em um jardim/parque lindo, bem bem francês. Inaugurado em 1860 por Napoleão III e imperatriz Eugenie. Além de ser menos caro que a Disney e ainda poder comprar as entradas para cada atração separadamente, o Jardin d’Acclimatation não fica fora da cidade de Paris, então é mais fácil incluir no roteiro. Fica bem pertinho da Fundação Louis Vuitton (dica para fazer ambos no mesmo dia).

Infelizmente, acabamos não indo por causa da chuva e porque era parque de diversão demais para tão pouco tempo em Paris. Mas quando voltar, irei.

jardin dacclimatation paris
Jardin D’Acclimatation – Paris | foto: divulgação
Paris com crianças - jardin d'acclimatation
Jardin D’Acclimatation – Paris | foto: divulgação

***

Para quem estiver viajando com crianças maiorzinhas, o Parc Astérix pode ser uma ótima ideia também! Fui em 2009 e tem muitas atrações com mais aventura, além de ser algo bem francês, né?!

Esse é um passeio contemplativo e não interativo (você pode torná-lo interativo ), portanto vai de você conhecer seus filhos para saber se será bacana (quero dizer interativo no sentido literal de poder tocar mesmo, não pode). Os meus filhos, a-m-a-r-a-m! Nós os envolvemos nas histórias dos bichos (que vão dos gigaaaantes aos muito pequenininhos), contamos sobre os países de origem, as curiosidades – número de dentes, tamanho, peso etc (este material pode ajudar os pais)… São animais empalhados, de todos os cantos do mundo. Perfeitos! Para contar a história da evolução das espécies. E o lugar por si só – um edifício alto em madeira com teto de vidro – já é lindo. Meio arca de Noé feelings.

A Grande Galerie de l’Évolution faz parte do Museu de História Natural, que fica no Jardin des Plantes (Quartier Latin). Há uma “Galerie des Enfants” para crianças de 6 a 12 anos. Nesse Jardin há também um pequeno zoo que não fomos ver.

Compramos o ingresso online e pagamos 10 euros na tarifa adulto e 7 euros na tarifa reduzida. Menores de 3 anos não pagam.

Grande Galerie d'Evolution Paris
Grande Galerie d’Evolution no Museu de História Natural | foto: Lala Rebelo
Grande Galerie d'Evolution Paris
Os bichos são impressionantes! | foto: Lala Rebelo
Grande Galerie d'Evolution Paris
Baby girafa | foto: Lala Rebelo
  • PARQUINHO DO JARDIM DE TUILERIES

Nosso hotel Mandarin Oriental ficava bem pertinho do Jardin des Tuileries, um parque belíssimo no coração de Paris. Que delícia passear por lá no outono!! Há um parquinho público com atrações bem bacanas para as crianças (com uma escada até que radical demais! rsrs) e um carrossel ao lado (mais um! Paris é cheia deles!!). Eu achei um charme brincar ali.

jardin des tuileries paris
O delicioso Jardin des Tuileries em Paris | fotos: Lala Rebelo
parquinhos em paris
Um dos muitos parquinhos públicos de Paris, no Jardin des Tuileries | foto: Lala Rebelo

parquinhos em paris

parquinhos em paris
Há também brinquedos para os pequenos. Miguel amou! | foto: Lala Rebelo
Jardin des Tuileries Paris
Jardin des Tuileries – Paris | foto: Lala Rebelo
  • PIRÂMIDES DO LOUVRE

Optamos por não entrar no Louvre com eles, mas não deixei de mostrar as pirâmides de vidro. Vinicius adorou enxergar um pouco do museu lá dentro, ver o edifício histórico refletido nos vidros… Uma passada rápida!

museu do louvre paris
Museu do Louvre, Paris | foto: Lala Rebelo
museu do louvre paris
Pirâmides de vidro do Museu do Louvre | foto: Lala Rebelo

“Um museu para os de 3 aos 103 anos”. O Musée en Herbe (“museu da grama”) é um pequeno museu próximo ao Louvre, bem especial para as crianças. O mesmo museu que eu vi não será o mesmo que você verá, pois as exposições são temporárias. E o museu muda de cara completamente. Quando fomos (nov/21) o artista da vez era Speedy Graphito. Confesso que esperava algo mais interativo, mas mesmo assim foi legal para o Vini (já o Miguel, 1 ano, não tinha como explorar).

As oficinas que acontecem no museu parecem bem interessantes: Baby-Z’Ateliers (p/ 2,5 a 5 anos; às 11h e às 14h) e Maxi-Z’Ateliers (p/ 5 a 12 anos; às 15:30 e às 17h).

musee en herbe paris
A entrada do Musée en Herbe em Paris | foto: Lala Rebelo
musee en herbe paris - speedy graphito
Exposição de Speedy Graphito no Musée en Herbe | foto: Lala Rebelo
Paris com criancas - musee en herbe
Meninos interagindo com o tetris no Musée en Herbe | foto: Lala Rebelo
Paris com criancas - musee en herbe
Paris com crianças – Musée en Herbe | foto: Lala Rebelo
musee en herbe paris - speedy graphito
Paris com crianças – Musée en Herbe | foto: Lala Rebelo
  • MUSEUS DE PARIS EM GERAL

Como meus filhos são muito pequenos (3 anos & 1 ano) e como eu já tinha ido a Paris outras vezes (já morei na cidade, inclusive) não achei necessário entrar em museus “mais formais”, como o Louvre, nessa idade. Levaria a partir de uns 5 anos de idade.

Mas caso você esteja indo para Paris pela primeira vez e com filhos pequenos, e não queira perder a oportunidade de conhecer os museus principais, recomendo ir acompanhado da guia Aureliana Paula, da Parci Parla – Paris com crianças.

Museus em Paris que eu amo: Louvre, Musée d’Orsay (meu preferido), Musée Rodin (como o jardim é o mais lindo, pode ser legal com crianças também!) e Centre Georges Pompidou.

::: Para dicas de Paris (geral – com ou sem crianças), clique aqui.

Acabamos não indo por ser distante, já na periferia de Paris, mas dizem que é muito legal! É indoor (boa dica para um dia de tempo chuvoso). Há sessões para crianças de 2 a 7 anos, de 5 a 12 anos e até um laboratório para bebês de 0 a 2 anos. Tudo super interativo! A “cidade das crianças” fica dentro da Cité de Sciences et Industrie. Compre o ingresso aqui.

cite des enfants paris
Cité des Enfants – “Je sais faire” | foto: divulgação
cite des enfants paris
Cité des Enfants – “J’expériment” | foto: divulgação

Algumas crianças podem amar o Atelier des Lumières e outras detestar, porque é um local de exposição de luzes, como se você pudesse entrar dentro da obra. Fantástico! Mas claro que depende muito do artista da vez. Nesse momento (novembro/2021), a exposição é sobre a obra de Dali, o que pode ser um pouco assustador/chocante para crianças pequenas. Mas, por exemplo, agora em novembro (só que a noite) tem também uma exposição sobre o espaço que acho que o Vini iria amar. Compre seu ingresso online pois é uma atração concorrida.

Atelier des Lumieres Dali Paris
Atelier des Lumières -Dalí | foto: divulgação
  • DEZENAS DE OUTROS PARQUINHOS

Paris é simplesmente cheia de parquinhos! Muitos parques e praças contam com um espaço reservado para os pequenos. Citei aqui o Ludo Jardin e o parquinho do Jardin des Tuileries que fomos, mas há vários outros. Basta buscar por “aire de jeux” ou “playard” + o nome da praça ou parque, que provavelmente aparecerá alguma coisa!! Nessa matéria da TimeOut estão listados alguns dos melhores parquinhos de Paris, porém é uma matéria antiga, de 2016. Precisa checar se tudo ainda existe.

  • FOTOS EM FAMÍLIA COM FOTÓGRAFA PROFISSIONAL

Isso era algo que queria ter feito, mas não tivemos tempo (e acho que os meninos não teriam paciência em uma viagem mais corrida). Sou apaixonada pelo trabalho da @flaneriephoto, que tem um olhar super poético. Me indicaram também o trabalho da @gabialvesphotography. Ficou para a próxima!!


[ROTEIRO PARIS COM CRIANÇAS]
Ideias de roteiros / alguns circuitos de atividades

1. Parquinho do Jardin des Tuileries – Pirâmides do Louvre – Musée en Herbe (pois fica ao lado do Louvre) – Passadinha na loja UNIQLO Rivoli (umas comprinhas não fazem mal rs) 😀 Não deixe de tomar um café no Verlet ou comer um docinho na BO&MIE.

2. LUDO Jardin – Jardin de Luxembourg (piquenique ou almoço em restaurante no parque) – Grande Galerie d’Evolution.

3. Subir na Torre Eiffel – Piquenique no Champs de Mars – Carrossel da Torre – Jardin d’Acclimatation

4. Jardin d’Acclimatation (se quiser dedicar mais tempo) – Fundação Louis Vuitton – Champs Elysées e Arco do Triunfo

5. Disneyland Paris

Caso seja sua primeira vez em Paris, imagino que você também vá querer acrescentar ao roteiro algum museu mais famoso “adulto” (Louvre, D’Orsay, Pompidou, Rodin etc) e alguns locais de importância turística que não visitei dessa vez, como: Montmartre (e a Basílica de Sacré Coeur), Notre Dame e Avenue des Champs Élysées com Arco do Triunfo. Veja post geral com dicas de Paris aqui.


[LOJAS] 

Eu sei que com o Euro assim nas alturas, comprinhas são a última coisa que a gente pensa em fazer em Paris, né?! Mas ainda assim, algumas lojas valem a pena (e não exclusivamente as de crianças).

Eu amo essa loja, para crianças e adultos. As jaquetas e coletes ultra light (ultra légère) são super quentinhos e ficam muito pequenininhos na mala. Fui na mais nova loja da marca em Paris, na 67 Rue de Rivoli (UNIQLO-Rivoli) e compramos algumas peças lindas. Atenção porque nem todas as lojas UNIQLO têm a sessão de enfants / bebês. Aliás, recomendo até comprar online e mandar entregar no hotel, já que no dia pode não ter muita opção na loja. As jaquetas infantis custam em média 50 euros. Valem muito a pena até mesmo convertendo para reais!

UNIQLO RIVOLI PARIS
UNIQLO Rivoli, em Paris | foto: Lala Rebelo
UNIQLO RIVOLI PARIS
Eu amo as jaquetas dessa marca UNIQLO! | foto: Lala Rebelo

Eu sou muito fã dessa marca Béaba porque é a marca da minha querida Babycook (um dos itens que acho essencial na introdução alimentar). Mas além da Babycook, eu amo o design dos produtos dessa loja. Talheres, potinhos porta-fórmula, bolsas, mochilas… Tudo tudo é fofo e moderninho!

Tentei comprar online algumas peças de reposição da minha Babycook, mas o site é bem ruim então acabei indo pessoalmente à loja (ainda bem!), que é pequenininha porém cheia de coisas legais. Fica na 33 Av. de l’Opéra.

Descobri uma cadeira de carro para crianças a partir de 3 anos que me pareceu fantástica. Ela tem 3kg, dobra e pode até ir a bordo no avião.

BEABA Opera paris
Loja da Béaba France, próx à Ópera de Paris | foto: Lala Rebelo
BEABA babycook
Sou fã da Babycook! Uso da introdução alimentar até hoje! | foto: Lala Rebelo
cadeira de automóvel dobrável - beaba
Essa cadeira de carro que dobra é demais! Dá até pra levar a bordo! | foto: Lala Rebelo

Essa loja é simplesmente o máximo!!! Reúne o que há de melhor e mais fofo em roupinhas e outros itens úteis para bebês e crianças. Foi no site da Womb que comprei o board do carrinho Yoyo e chegou MUITO RÁPIDO no nosso hotel. A loja física fica no endereço 93 Rue Réaumur.

Eu amo essa loja / marca de roupas para bebês e crianças. Acho super estilosas e de excelente qualidade. Infelizmente aqui no Brasil, são caríssimas. Achei que na França fosse ser mais barato, mas não muuuito. Porém, quando há promoções, compensa. Muitas vezes as promoções são apenas online, então antes de ir, fiquem de olho no site. Itens que amo na Petit Bateau (incomparáveis aos de outras marcas): jaquetas, capas de chuva e macacões segunda-pele. Fui na loja 13 Rue Tronchet, na Madeleine, mas era bem bem pequenininha.


[RESTAURANTES – Onde comer com crianças em Paris] 

Essa definitivamente não foi uma viagem com foco gastronômico. Mesmo quando viajo com as crianças, gosto de testar bons restaurantes, mas dessa vez estávamos mais tranquilos. Mas mesmo assim encontrei algumas boas dicas de restaurantes em Paris! Não são locais “kids friendly” ao pé da letra (na verdade, não sei o que isso quer dizer – seria com parquinho?! hehehe), mas são locais descontraídos, moderninhos, onde famílias com crianças são muito bem-vindas! Ótimo, né?!

Uma ideia bacana em Paris é fazer piquenique!! Passe em uma boulangerie gostosa e compre comida, bebida e… Voilá! Ao final dessa sessão de restaurantes também estou indicando cafés / boulangeries / docerias.

::: Restaurantes

Esse foi o restaurante que reservei para meu jantar de aniversário. Queria comida italiana em um ambiente bonito, moderninho e descolado, onde pudesse me sentir à vontade com as crianças. Acertamos em cheio! Pratos de massas entre 17 e 29 euros. Tudo muito gostoso! Reserve pelo site.

DAROCO Bourse Paris restaurant
Restaurante italiano DAROCO Bourse, em Paris | foto: Lala Rebelo
DAROCO Bourse Paris restaurant
O menu do restaurante DAROCO |
DAROCO Bourse Paris restaurant
Meu aniversário com a family | foto: Lala Rebelo
DAROCO Bourse Paris restaurant
Menu kids: pizza de mussarela de búfala ou macarrão com ou sem molho | foto: Lala Rebelo
DAROCO Bourse Paris restaurant
Meu prato de massa ao pesto | foto: Lala Rebelo

O grupo Big Mamma possui restaurantes de cozinha italiana maravilhosos em Paris, Londres, Madri, entre outras cidades. Os restaurantes são suuuuper descolados! Todo mundo que vai ama. O que quer dizer que também sejam disputados e vivam com fila na porta. Agora eles fazem reserva, então aproveite para garantir a sua mesa com antecedência. Em Paris, os mais recomendados são:

. Pink Mamma | 20bis, Rue de Douai, 75009 Paris (9me) – perto de Montmartre
Uma trattoria belíssima distribuída em um edifício de 4 andares!! Especialidade: carne (Bistecca alla fiorentina)

. Ober Mamma107, Boulevard Richard Lenoir (11me)
Pratos italianos tradicionais (pizza napolitana e lasanhas, humm…) em um ambiente com decor linda.

. Big Love | 30, Rue Debelleyme (3me)
Tem cara mais “simplona” porém bem descolado. Tipo, comendo dentro da dispensa rs! Ms é lindo. Menu italiano vegetariano.

Me disseram também que o food market La Felicitá (5 Parvis Alan Turing) também é bem legal.

pink mamma paris
Restaurante Pink Mamma em Paris | foto: divulgação

Bom… mas como estamos na França e não na Itália (hehehe) quero deixar duas sugestões de restaurantes bem francesinhos, gostosinhos e que também são OKs para ir com crianças pequenas:

O local existe desde 1923, mas em 2009 foi “transformado” em brasserie super parisiense (decoração e menu). Para comer aqueles pratos franceses famosos como entrecôtesteak tartare, batatas fritas, foie gras

Brasserie thoumieux paris
Brasserie Thoumieux – restaurante muito gostoso em Paris! Um clássico. | foto: Lala Rebelo

Carinha bem francesinha, estilo Belle Époque, localizado no Marais. Que tal pedir um escargot para mostrar para as crianças como é?! 😉 Em dia de semana, durante o almoço, há um menu de entrada + prato principal + sorvete por 26euros.

chez julien restaurante paris
Restaurante Chez Julien Paris | foto: The Fork

Quem estiver sem kids ou quiser encarar um restaurante mais formal / adulto, me recomendaram:

  • Girafe – Melhor vista da Torre Eiffel.
  • Kong – Teto e janelões de vidro, o lugar me lembrou o White Rabbit de Moscou.
  • GEORGES – No rooftop do museu Pompidou. Super vista, moderninho. Fui em 2014.
  • Bar 8 no Mandarin Oriental – Um bar super moderninho, com lugares na área interna ou na área externa, em meio ao jardim iluminado, que é lindo! Para quem quiser jantar, o bar tem um menu, mas recomendo o Restaurante Camélia, também no Hotel Mandarin Oriental.
Bar 8 Mandarin Oriental Paris
Bar 8 do Mandarin Oriental Paris | foto: Lala Rebelo
Bar 8 Mandarin Oriental Paris
Esse garden do Bar 8 no Mandarin Oriental Paris é incrível | foto: Lala Rebelo

::: Cafés / Boulangeries

  • Café Verlet (256, Rue Saint-Honoré – 1er) – Cafeteria tradicional de 1880 com ambiente muuuuito charmoso (bem vintage parisiense, sabe?!). Servem café da manhã e almoço mas vale a passada só para um café e um docinho.
cafe verlet paris
O charmoso Café Verlet Paris, na Rue St Honoré | foto: Lala Rebelo
  • BO&MIE Boulangerie Créative (91 Rue de Rivoli – 1er) – Para provar os melhores croissants, pães e outros doces. Tudo lindo e criativo. Não deixem de experimentar o croissant de framboesa, listradinho.
BO ET MIE BOULANGERIE CREATIVE RIVOLI
BO&MIE – Boulangerie Creative na Rue de Rivoli | foto: Lala Rebelo
BO ET MIE BOULANGERIE CREATIVE RIVOLI
Não deixem de provar o croissant de framboesa | foto: Lala Rebelo
  • L’Éclair de Génie (14, rue Pavée // 122, rue Montmartre) – Sem dúvidas, as melhores éclairs (aquela doce chamado “bomba” no Brasil) que você vai comer na vida.
l'eclair de genie paris
L’Éclair de Génie em Paris | foto: Lala Rebelo
  • Macaron – um clássico francês, as crianças amam ver os macarons coloridos na vitrine (tipo loja de sorvete rs). Tem os clássicos da Ladurée e os da Pierre Hermé que são ainda melhores (veja lista de lojas aqui).
macarons laduree paris
Macarons da Ladurée em Paris | foto: Lala Rebelo

[HOTÉIS – Onde se hospedar em Paris com crianças] 

Um hotel onde as crianças não são apenas “aceitas” e sim muito bem-vindas! Ficamos simplesmente encantados com a forma que esse hotel trata os pequenos! Não só os meus, claro! Faz parte da política do hotel mimá-los e facilitar a estadia das famílias.

O Mandarin Oriental Paris disponibiliza bercinho, banheirinha, amenidades de banho baby, pandas de pelúcia do hotel (presente!!), esponjinha, roupão, pantufas em miniatura e muitos outros mimos. É de se apaixonar! Crianças até 12 anos também comem grátis no hotel nas 3 refeições. E até mesmo na piscina do SPA somos bem-vindos com nossos filhos (disponibilizaram bóias e coletes para eles!).

Além de tudo, o Mandarin fica na melhor localização de Paris, em plena Rue Saint-Honoré, pertinho da Place Vendôme. O hotel é maravilhoso, com um lobby belíssimo, um garden aconchegante, bar e restaurantes maravilhosos (recomendo para não hóspedes, inclusive) e um serviço impecável. Recomendo para famílias com crianças grandes ou pequenas e para casais. Demais!! Não poderia ter escolhido melhor lugar para comemorar meu aniversário com minha família!

::: Clique aqui para reservar a sua estadia no Mandarin Oriental Paris.

Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
Nossa junior suite no Mandarin Oriental, Paris – reparem no bercinho! | foto: Lala Rebelo
Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
Quando as crianças não são apenas “aceitas” e sim BEM-VINDAS! | foto: Lala Rebelo
Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
E teve caminha extra para o Vini também! | foto: Lala Rebelo
Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
Já viu banheiro mais lindo em Paris? | foto: Lala Rebelo
Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
Porta escova de dente do hotel | foto: Lala Rebelo
Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
Estreando a banheira em grande estilo | foto: Lala Rebelo
Paris com crianças - Mandarin Oriental
Delícia acordar assim! | foto: Lala Rebelo
Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
Mimos de boas-vindas no quarto | foto: Lala Rebelo
Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
E a torre era de chocolate!! | foto: Lala Rebelo
Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
O lobby mais lindo – Mandarin Oriental, Paris | foto: Lala Rebelo

Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris

Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
Restaurante Camélia – onde é servido também o café da manhã | foto: Lala Rebelo
Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
Simplesmente peçam a cesta de pães!!! | foto: Lala Rebelo

Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris

Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
Piscina do SPA – Mandarin Oriental, Paris | foto: Lala Rebelo
Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
Quem aguenta esses dois de roupão e pantufa? | foto: Lala Rebelo
Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
A rua do Mandarin Oriental, Paris: St Honoré | foto: Lala Rebelo
Mandarin oriental Paris - melhores hotéis de paris
Meu bolo de aniversário mais lindo! Merci MO Paris, Merci MagariBlu!!

► Outros hotéis ultra luxuosos e especiais em Paris:

► Para quem estiver buscando um hotel menos luxuoso, mas ainda assim com charme, recomendo:

Pesquise mais hotéis em Paris aqui.
Dica: organize a busca pelo top reviewed ou por estrelas (mais estrelas primeiro).

dicas de hotéis


[COMO SE LOCOMOVER EM PARIS COM CRIANÇAS]

::: Metrô, trem (RER) e ônibus

O jeito mais fácil de se locomover em Paris é com transporte público. Trens (RER), metrôs e ônibus conectam toda a cidade e zona metropolitana. Porém, quem vai com carrinho de bebê pode sentir grande dificuldade na maioria das estações, pois são cheias de escadas (sem elevador) e sem espaço para o carrinho passar nas catracas. Mas não é impossível… Nós usamos bastante assim mesmo. Mas, sem dúvidas, o ônibus acaba sendo mais fácil. Mas atenção: hoje em dia não é possível comprar o ticket dentro do ônibus, você precisa tê-los para embarcar (compre nas máquinas do metrô). Veja aqui os tipos de ticket.

Recomendo ir para a Disneyland de trem (RER A). É super fácil e a viagem leva menos de 1 hora. Custa 7eur/adulto cada trecho e 4eur a tarifa reduzida. Também é fácil ir de Uber e custa 70 euros o trecho.

Baixe o app Bonjour RATP para planejar suas viagens de transporte público em Paris.

::: A pé

Em Paris, também caminhamos muuuuuito! Como temos dois filhos pequenos, usamos o carrinho Yoyo (que vai a bordo no avião) com o “board” acoplado (é tipo um skate com banquinho para o filho mais velho). Compramos o board online na Womb. Usamos também nosso canguru (Ergobaby 360) para levar um dos filhotes.

carrinho de bebê viagens yoyo
Carrinho de bebê Yoyo com o board para o irmão mais velho | foto: Lala Rebelo

::: Taxi e Uber

Outro jeito de se locomover em Paris é de Uber. Usamos bastante e em nenhum momento nos foi exigido estar com as cadeirinhas de automóvel das crianças. Levávamos no colo. Me recomendaram o aplicativo de taxi G7, mas não testei.

::: Aluguel de carro

Para ir do aeroporto CDG ao Vale do Loire, nossa primeira parada na França, alugamos um carro com as cadeirinhas da locadora (Sixt). Viajamos pelo vale e depois devolvemos o carro em uma unidade da Sixt próxima ao nosso hotel, Mandarin Oriental (triste foi que nos cobraram 100 EUROS por 3 MINUTOS de atraso. E isso depois de dizerem na devolução que “estava tudo certo”). É fácil e seguro dirigir na França (mas não recomendo fazê-lo dentro de Paris pelo trânsito e dificuldade de estacionamento).

aluguel de carro com cadeirinha frança
As cadeirinhas que alugamos junto com o carro, na França | foto: Lala Rebelo

::: Transfer

Para ir do hotel em Paris para o aeroporto CDG, preferimos contratar um transfer que já vinha com as duas cadeirinhas (era uma van). Foi muito cômodo. Quem reservou para nós foi a agência de viagens Magari Blu, que inclusive suuuuper indico para organizar toda a sua viagem, para França ou qualquer outro destino!


[VIAGEM DE AVIÃO COM BEBÊ E CRIANÇAS PEQUENAS]

O melhor jeito de chegar em Paris é em um voo direto da Air France ou da LATAM. São aproximadamente 10-11 horas de voo. Nós voamos de Air France que é simplesmente maravilhosa e muito receptiva com crianças (infelizmente, algumas cias aéreas dificultam a viagem com nossos filhos pequenos. A Air France dá todo o suporte e trata cm carinho do início ao fim. E não é apenas com os meus filhos. Vimos outros bebês a bordo e os comissários sempre estavam super atentos).

Nós fomos convidados pela Air France para fazer esse voo a bordo da classe Premium Economy. Nem business, nem econômica… Algo novo, entre as duas. Já ouviram falar? As cadeiras são 40% mais largas que as da econômica, reclinam mais, a comida é sutilmente melhor, as telas são maiores, cobertores e travesseiros de qualidade superior e tem apoio para os pés. Gostei muuuuito. Ótimo custo-benefício.

Contudo, na Premium Economy, as mesinhas ficam guardadas no braço entre os assentos, e por isso eles não levantam. Isso dificulta um pouco para quem viaja com bebê de colo ou criança pequena, já que levantar os braços das poltronas para esticar a criança sobre os pais ajuda bastante na hora de dormir. Mas mesmo assim foi confortável. Conseguimos acomodar bem os dois pequenos com travesseiros e cobertores e dormiram o voo todo (aleluia rs).

Quem viaja na econômica, premium economy ou na business da Air France, pode solicitar o bercinho para bebês de até 10kg e 70cm. Há também um child menu bem gostoso (solicitar previamente) e papinhas a bordo.

Outros benefícios para quem viaja com crianças com a Air France: embarque prioritário e oferta de entretenimento a bordo (muitas opções de desenhos e filmes infantis)

Uso de máscaras por crianças no avião e nos aeroportos: a máscara cirúrgica (ou N95 / PFF2) é obrigatória a partir de 11 anos.

Ponto para o wi-fi a bordo. Gente, se tem algo que eu amo é uma internet no ar! hahaha. 8 euros 1h / 18 euros para ficar conectado o voo todo.

air france premium economy
Cabine Premium Economy da Air France | foto: Lala Rebelo
air france premium economy
As telas são maiores e o fone de ouvido melhor. CHILD MENU | foto: Lala Rebelo
air france premium economy
Poltronas 40% mais largas que na econômica | foto: Lala Rebelo
air france viajando com crianças e bebês
Pode pedir papinhas doces e salgadas para o bebê
air france premium economy
Café da manhã Air France – Premium Economy
air france premium economy
Nécessaires para os passageiros
air france viajando com crianças e bebês
Crianças e bebês ganham alguns brinquedinhos a bordo | foto: Lala Rebelo

[AGÊNCIA DE VIAGEM]

Nessa viagem a Paris, contamos com o serviço da minha querida amiga Ana Maria Junqueira, da MagariBlu. Eles trabalham com roteiros personalizados e dão todo o suporte durante a viagem. Também recomendo para emitir os aéreos.


[SEGURO DE SAÚDE INTERNACIONAL]

Olha, eu já não viajava sem seguro de saúde internacional antes, agora na pandemia é que eu não fico sem MESMO. Os seguros de saúde que têm cobertura em caso de covid são de fato muito mais caros, mas é aquela tranquilidade que não tem preço.

Recomendo a REAL Seguros, que compara preço e cobertura das melhores seguradoras. Costumo fazer o da Universal Assistance ou o da Assist Card, com cobertura para Covid-19. Clique aqui para fazer uma cotação. Após compra online, a apólice chega por email em minutos. Sou comissionada a cada seguro feito. Agradeço muito se utilizar o meu link na compra. Obrigada.

tomada paris


[MAPA]

Veja no mapinha abaixo tudo o que foi citado aqui no post:

Além de Paris, nessa mesma viagem também fomos para o Vale do Loire, um destino a aproximadamente 2 horas de Paris, cheio de castelos, vinícolas e vilarejos charmosos. Recomendo! Clique aqui para saber mais dicas do Vale do Loire.

::: Para dicas gerais de Paris (com ou sem crianças), clique aqui.

Assista toda a nossa viagem para Paris, registradas pelos meus stories do instagram:

Espero que tenham curtido Paris com crianças também. Pra mim, foi uma experiência incrível, já que eu já tinha morado na cidade e vividi uma fase totalmente diferente por lá! Anos depois, voltei e vivi uma outra Paris com meus filhotes! 🙂

Outras viagens maravilhosas que já fiz com crianças pequenas (internacionais ou nacionais): 

Por Lala Rebelo

::: Acompanhe minhas viagens e meu dia a dia ao vivo pelo instagram @lalarebelo.

Se o post foi útil pra você e te ajudou no planejamento, ficarei muito grata se você reservar seus hotéis por este link e fazer seu seguro de saúde internacional por este link. Somos parceiros dessas empresas e ganhamos uma pequena comissão a cada reserva/venda. Você não paga nada a mais por isso, mas é essa a forma que encontramos para monetizar o site e continuar oferecendo conteúdo gratuito de qualidade. Sou 100% dedicada a esse trabalho! São empresas que confio e que eu mesma utilizo em todas as minhas viagens. Muuuito obrigada! 🙂

Comentários