Kuna Yala

Dicas de San Blas – Panamá

O Caribe do Panamá

Encontre aqui todas as dicas de San Blas Panama, um arquipélago com mais de 360 ilhas rodeadas por mar azul turquesa, no Caribe panamenho. Já fui 24 vezes!

***

Que eu AMO San Blas já não é novidade pra ninguém, né?! rsrs. É só acompanhar meu Instagram @lalarebelo e seguir a hashtag #lalaemsanblas que vocês vão ver que eu praticamente “moro” nas ilhas (vou pelo menos uma vez por mês!). Adoooro. A louca dos turquesas aqui não consegue ficar muito tempo longe.

Já escrevi aqui no blog um post com toooodas as infos a respeito das ilhas. Clique aqui para ler. São milhaaares de dicas. E apesar do post ser datado de maio de 2014, ele NÃO é velho. Mensalmente o atualizo com novas dicas, achados e informações. Cada novo achado, escrevo lá. Pode confiar! 🙂

O post está aqui: www.lalarebelo.com/sanblas

Mas decidi fazer este novo texto, porque a procura por San Blas está absurdamente maior. Sim, a cada dia, são dezenas e dezenas de dúvidas de leitores doidos para conhecer o arquipélago. E admito, não é um turismo simples (“só pegar e ir”) como a maioria do Caribe.

Para quem tem interesse em conhecer San Blas a bordo de um veleiro, o que é muuuuuito legal também, fiz este post aqui: www.lalarebelo.com/sanblas-veleiro

O QUE É SAN BLAS E ONDE FICA

O arquipélago é formado por mais de 360 ilhas (uma para cada dia do ano?! :P) no Mar do Caribe (na costa Atlântica do Panamá). O país é banhado por dois oceanos – o Atlântico e o Pacífico – e a capital, Cidade do Panamá, está na costa do PACÍFICO. Ou seja, para chegar em San Blas é necessário “cruzar” o país. Mas calma… O Panamá é estreitinho… A viagem toda dura apenas 2 horas (+ o trajeto de barco): 60km indo em direção “leste” (em rodovia duplicada) e outros 40km cruzando o país (estrada estreita, cheia de sobe-desce e curvas).

dicas de san blas - panama - onde fica - como chegar

O arquipélago, assim como uma outra área em “terra firme”, é uma COMARCA INDÍGENA AUTÔNOMA. O nome oficial da região é Guna Yala (ou Kuna Yala) e não San Blas (San Blas é o nome comercial. rs). Recebe interferência mínima do governo panamenho. Tem até mesmo uma fronteira no meio da estrada. Não esqueça seu passaporte. Só os índios Kuna gerenciam e lucram com o local. Por isso, chegue com as expectativas alinhadas heim!? Estamos falando de um território indígena, suuuuper mega ultra rústico, e não de resorts no Caribe.

dicas de san blas - panama - isla pelicano - lala rebelo
Isla Pelicano
dicas de san blas - panama - isla fragata - lala rebelo
Índia Kuna na Isla Fragata
dicas de san blas panama - molas kuna yala
Artesanato Kuna – molas

COMO CHEGAR EM SAN BLAS

A primeira viagem é até a capital, Cidade do Panamá (PTY). Aproveite para passar uns dias na cidade (leia post aqui com todas as dicas, hotéis, restaurantes, passeios etc.).

Há dezenas de vôos diretos da Copa Airlines, saindo diariamente de São Paulo, Campinas, Rio de Janeiro, Brasília, Manaus, Belo Horizonte, Recife e Porto Alegre. A viagem dura em torno de 6h-7h.

Estando na Cidade do Panamá, você pode chegar em San Blas de 3 maneiras:

  1. carro + barco
  2. avião + barco
  3. carro ou avião + barco + veleiro
  • CARRO + BARCO

Apesar de ser fácil, confesso que o caminho não é nada prazeroso. Os 100km estão divididos em 2 partes: 60km de rodovia excelente e 40km de estrada que leva até o terminal de barcos, cruzando as montanhas. Esses últimos 40km são duríssimos: muitas curvas, subidas e descidas. Muitas pessoas passam mal… Mas eu juro pra você: o paraíso vai valer a pena! Tome Dramin antes de ir!! rs.

É tudo asfaltado e não tem perigo algum. O problema são mesmo as curvas e o sobe-desce.

A Cidade do Panamá fica na costa do pacífico, por isso, para chegar do outro lado (costa do Atlântico) é preciso cruzar a “cordilheira” que separa os dois lados. A viagem toda leva umas 2 horas + o tempo de barco, que depende da ilha que você escolher (algumas estão a apenas 20min do terminal, outras a mais de 1h).

Alugue uma camionete em qualquer locadora conhecida. Quase todas estão no aeroporto. Nós sempre alugamos o carro através da Rentalcars e sempre funcionou perfeitamente. Pesquise aqui. 

É muito fácil se locomover aqui com WAZE. O aplicativo funciona suuuper bem.

Atenção: é necessário alugar uma CAMIONETE. Não há necessidade de ser 4×4, mas os índios não deixam passar pela fronteira carros pequenos. Aí não rola ir até lá e ter que voltar, né?! Mais uma vez: não esqueça passaporte.

A informação completa sobre o passo a passo do caminho até San Blas está no 1º post sobre o local. Leia aqui. Você vai dirigindo até o porto (terminal) chamado Cartí Tupile.

Chegando no terminal, você vai precisar pegar um barco para ir até a ilha escolhida. Recomendo que você vá já com o barqueiro arranjado antecipadamente.

Barqueiros que contrato com frequência e recomendo:

. Eloisa Hermanas Places (o melhor serviço de todos!!!)
Cel: +507 6078-0692 / +507 65256039
Facebook: clique aqui

Se a Eloisa não tiver disponibilidade, fale com:

. Fidelio Morris
Cel: +507 6119-9584
Facebook: /fidelio.morris

. Grimaldo Martinez
Cel: +507 6916-7083
Facebook: clique aqui

Você pode falar com os três por WhatsApp. Fica mais fácil de entender! 😉

Se preferir ir sem barqueiro combinado, é possível conseguir um lá mesmo. No final da estrada asfaltada, vire a direita seguindo as placas de “Gardi Sugdup – Niga Kantule”, que é o terminal mais conhecido. Há uma “oficina” (escritório) dos Kunas, onde você pode contratar o barco. Às vezes, arranjar na hora o barqueiro pode sair mais caro do que combinando previamente.

Os barcos são de motor, porém pequenos. O trajeto costuma ser tranquilo. Mas, de vez em quando o mar está mexido e o barco “pula” bastante. Eu não tenho medo, mas quem tiver, melhor optar por uma ilha mais próxima, caso o mar esteja assim.

Não se assuste ao chegar no porto/terminal e vir a água do mar completamente MARROM! Você não está no lugar errado!! hehe. É só chegando nas ilhas que a água fica bem bem clarinha.

Para voltar da ilha, é só combinar com seu barqueiro a hora que ele deverá te buscar (geralmente em torno das 15h). Os barqueiros confiáveis sempre aparecem! Fiquem tranquilos!

dicas de san blas panama - caminho da cidade do panama até as ilhas
Da Cidade do Panamá até as ilhas de San Blas

[INDO COM UMA AGÊNCIA / EMPRESA DE TURISMO]

Muita gente não quer alugar um carro e fazer todo o trajeto por conta própria. Prefere pagar mais caro e ir com a comodidade de uma agência. Eu, por morar no Panamá, nunca fui com agência. Mas há várias que prestam o serviço. Te buscam no hotel, fazem o caminho de carro, arranjam o barco, buscam na ilha e te levam de volta para o hotel. Alguns hotéis na Cidade do Panamá oferecem esses passeios. A única agência que conheço (eu não experimentei, mas vários amigos sim) é a Go 2 San Blas Tours. Alguns barqueiros também agilizam a parte terrestre para os clientes. Não deixe de perguntar a eles na hora de combinar o trajeto de barco.

Atenção! Só contrate uma agência com boas referências… E não esqueça de levar um celular com chip que funcione em San Blas (+Móvil – vendem o chip pré-pago nos shoppings de toda a cidade).

Algo que recomendo mesmo, caso você vá dormir em San Blas, é combinar o transporte terrestre + marítimo com a própria ILHA. Quase todas que possuem cabanas para hóspedes trabalham com o serviço de “transfer”. A Isla Iguana e a Coco Blanco, por exemplo, oferecem o pacote completo.

  • AVIÃO + BARCO

Você também pode chegar a San Blas de avião, voando com a Air Panama, saindo da capital (Aeroporto de Albrook – PAC) rumo ao aeroporto El Porvenir, Guna Yala (PVE). O avião é beeeem teco-teco e a viagem dura em torno de 20 minutos. Eu nunca voei até lá porque sempre achei que o perrengue da estrada é mais prático do que o trâmite de aeroporto. Ao chegar no aeroporto de El Porvenir, você pegará um barco que te levará à ilha escolhida. Combine com o barqueiro o horário de chegada e o trajeto.

Geralmente este tipo de experiência é muito mais cômoda do que dormir nas cabanas (depende do nível do barco). O passeio de veleiro normalmente dura dois ou três dias (ou mais, depende de você!) e inclui hospedagem (no próprio barco), comidas e bebidas a bordo, água doce, capitão, marinheiro e a possibilidade de conhecer várias ilhas em uma única ida a San Blas.

Mas para chegar ao veleiro, você também precisa pegar a mesma estrada até Cartí (terminal) e um barco Kuna até o local do veleiro. Você até pode contratar algumas empresas de veleiros que saem de Colón (principal cidade panamenha na costa do Atlântico), mas não recomendo. A viagem de veleiro de Colón até o arquipélago Kuna pode durar umas 14 horas. Muito mais fácil ir por Cartí mesmo. Fale com a empresa de veleiro que você for contratar para arranjar a parte terrestre e a lancha até o local.

Recomendo:
. Sailing Life Experience – para fechar com um dos vários veleiros que estão navegando por San Blas (são como um booking.com dos barcos! E são SUPER de confiança). Com a Sailing Life Experience fechamos o Veleiro Lycka, o Veleiro El Tranquilo e um Catamaran gigantesco, super confortável. Três experiências MARAVILHOOOOSAS!

Contei neste post aqui (lalarebelo.com/sanblas-veleiro) a minha experiência a bordo do veleiro Lycka e do veleiro El Tranquilo, explorando as ilhas mais lindas de San Blas, algumas absolutamente vazias. Foi demais! Leia todas as dicas aqui.

Para reservar sua estadia em um veleiro, fale com a Marina da Sailing Life Experience por email (info@sailinglifeexperience.com). Ela é espanhola e está até aprendendo a falar português. Um amor de pessoa e super de confiança!

san blas panama veleiro
San Blas a bordo do Veleiro Lycka – Março/2016
san blas panama veleiro
San Blas a bordo do Veleiro El Tranquilo – junho/2017

DORMIR EM SAN BLAS PANAMA HOSPEDAGEM

Como se trata de um território INDÍGENA, no qual ninguém pode investir no local, e os únicos que ganham dinheiro com o turismo ali são os próprios Kunas, não espere hotéis bonitões (típicos de Caribe), água quentinha, energia elétrica a vontade, sinal de celular, internet… San Blas é pra quem aprecia esse tipo de experiência com a natureza e acha o máximo passar alguns dias hospedado em simples cabanas de bambu ou madeira, sendo despertado pelo nascer do sol entrando pelas frestas da sua “casa temporária” em uma ilha quase deserta. Se você é “desses”, bienvenido a San Blas!

Várias ilhas oferecem a opção de hospedagem. Algumas possuem cabanas melhores (de madeira), com banheiro dentro. Outras têm cabanas mais simples (de bambu ou madeira), com banheiro compartilhado.

Dentro das cabanas, normalmente você encontra apenas uma cama de casal ou duas de solteiro, uma lâmpada que funciona com gerador e uma tomada. Eu prefiro levar minha roupa de cama, mas na maioria das ilhas, tem isso também.

A água é geralmente fria e um pouco salobra, mas bem ok para um banho rápido por dia. Um esquema mais roots. Considerando que você está no meio de uma ilha quase deserta, no meio do Caribe, está ótimo, né?! hehe.

Recomendo se hospedar em:

[Atualização em 08/12/16: de acordo com informações do próprio site, a Ilha Iguana encontra-se fechada]

Uma das minhas preferidas, pois é pertinho (saindo do terminal, é a 3ª ilha), a apenas 20 minutinhos de barco, tem mar azul e com tamanho bom (nem muito pequenininha nem grande demais). É uma das melhores opções para dormir em San Blas, seja em cabanas (uma das melhores do arquipélago) ou em barracas/camping.

Recentemente, “inauguraram” cabanas com banheiro dentro!! 🙂 Mas tem também as antigas, com banheiro compartilhado, que acho beeeeem ok (já fiquei!!). Tem energia elétrica moderada (a noite), água doce (na verdade, salobra) e fria, para banhos rápidos e, um bonus: bar e restaurante.

As cabanas normais custam em torno de US$50 por noite/por pessoa e as suítes (com banheiro dentro), US$75 por noite/por pessoa.

Para reservar, ligue (ou fale por WhatsApp):
+507 6807-2764 ou +507 6110-5910
Edwin, Luis e/ou Flor

Ou escreva para:
islaiguanasanblas@gmail.com

A hospedagem inclui café da manhã, almoço e jantar. Esta é uma das ilhas que oferecem o próprio de serviço de transporte terrestre (te buscam e te levam de volta ao hotel na Cidade do Panamá) e o transporte de barco (solicitar no momento da reserva). Também oferece passeio de um dia para outras ilhas mais distantes.

Acesse o site da ilha.

Isla Iguana san blas panama
Isla Iguana
Isla Iguana san blas panama
Cabanas da Isla Iguana
Isla Iguana san blas panama
Amanhecer…

Isla Iguana san blas panama

Isla Iguana san blas panama
Pôr do sol
  • Isla Coco Blanco

É considerada também uma das melhores opções de hospedagem nas ilhas, já que há cabanas com piso de madeira, banheiro dentro e vista para o mar. A ilha é exclusiva para hóspedes (não recebe gente que está apenas passando o dia, como a maioria). Mesmo que seja um pouco mais cara que a média (aprox. 100-150USD), essa deve ser a escolhida para quem busca um pouco mais de conforto (sem deixar de ser RÚSTICA, heim?!). É uma ilha bem bem pequenininha. Ideal para se hospedar mesmo, e aproveitar os passeios que a própria ilha oferece para visitar ilhas vizinhas. Os Kunas dessa ilha, da última vez que nos falamos, estavam até organizando jantares românticos a dois (a luz de velas) em uma ilhotinha vizinha! hahaha. Baita esquema!! 🙂

Para reservar, ligue (ou fale por WhatsApp):
+507 6878-9631

Ou escreva para: cocoblanco.rogny@gmail.com

ISLA COCO BLANCO SAN BLAS PANAMA HOSPEDAGEM
Chegando na Isla Coco Blanco, em San Blas
ISLA COCO BLANCO SAN BLAS PANAMA HOSPEDAGEM
Isla Coco Blanco – San Blas
ISLA COCO BLANCO SAN BLAS PANAMA HOSPEDAGEM
Cabanas da Isla Coco Blanco – San Blas
ISLA COCO BLANCO SAN BLAS PANAMA HOSPEDAGEM
Interior das cabanas da Isla Coco Blanco – San Blas
ISLA COCO BLANCO SAN BLAS PANAMA HOSPEDAGEM
Interior das cabanas da Isla Coco Blanco – San Blas
ISLA COCO BLANCO SAN BLAS PANAMA HOSPEDAGEM
Banheiro das cabanas da Isla Coco Blanco – San Blas
ISLA COCO BLANCO SAN BLAS PANAMA HOSPEDAGEM
Almoço/jantar da Isla Coco Blanco – opção peixe
ISLA COCO BLANCO SAN BLAS PANAMA HOSPEDAGEM
Almoço/jantar da Isla Coco Blanco – opção frango
ISLA COCO BLANCO SAN BLAS PANAMA HOSPEDAGEM
Isla Coco Blanco – San Blas

ISLA COCO BLANCO SAN BLAS PANAMA HOSPEDAGEM

  • Isla Franklin & Cabañas Senidup (Tubisenika) 

A ilha Tubisenika está dividida entre dois donos. De um lado, Franklin, a opção mais calma e tranquila, e do outro lado, Senidup, mais agitada e festeira. Há uma grade separando as duas “propriedades”, mas os hóspedes podem circular sem restrições. As duas são uma espécie de hostel de San Blas: opções super baratas de hospedagem no arquipélago. Possuem quartos coletivos (e também particulares), banheiros compartilhados (que não são muito bacanas) e um preço pechincha (entre 20 e 40 dólares). Bem no estilo albergue! Se você está indo com grupo de amigos, e quer algo mais animado, talvez essa seja a sua melhor opção.

Para reservar na SENIDUP, ligue para: +507 6801-1251 ou +507 6090-4518
ou escreva para: senidup@hotmail.com

Para reservar na FRANKLIN, ligue para: +507 6768-4075 ou +507 6156-5711 ou +507 6060-3842

ISLA FRANKLIN SAN BLAS PANAMA
foto: TripAdvisor
ISLA FRANKLIN SAN BLAS PANAMA
foto: TripAdvisor

Não me hospedei nessa ilha mas passei um dia nela e comi em seu restaurante. É uma ilha pequenininha e muito linda, rodeada de mar bem turquesa! As cabanas são bem rústicas, com “piso” de areia batida e banheiro fora. Mas achei uma super opção, já que a ilha fica fora da rota mais turística, é muito exótica, limpa e tranquila! Comi em seu restaurante, que também era muito arrumadinho, com comida limpa e gostosa. Nos valores das diárias estão incluídos os tours para as ilhas mais populares e as refeições. Confira no site.

Isla Kuanidup - San Blas - Panamá
Isla Kuanidup – San Blas – Panamá

Essa é a ilha mais famosa porque é uma das que tem o mar mais turquesa e ainda tem um barco afundado na praia, perfeito para snorkel (e o barco não é pequeno não!!). Isla Perro é também uma das mais cheias do arquipélago, portanto recomendo se hospedar lá se não for final de semana. As cabanas tradicionais são BEM rústicas, mas acabaram de inaugurar quartos com varanda, e muito mais estrutura. Reserve pelo booking.com.

isla perro san blas panama

isla perro san blas panama

E ainda há um montão de ilhas com cabanas, como Isla Aguja (a mais próxima do terminal, e uma das mais populares/cheias), Isla Chicheme (mar de vários azuis), entre outras (além de todas que você pode chegar e montar sua própria barraca). Não consegui o contato direto dessas ilhas, por favor fale com a Go 2 San Blas Tours para reservar.

Quase todas as ilhas oferecem day-tours para conhecer outras ilhas do arquipélago. Pergunte na hora de reservar!

Outra opção super bacana de hospedagem, que já comentei acima é:

O que acho muito interessante neste estilo de viagem/hospedagem é que, estando em um veleiro, é possível chegar a ilhas mais distantes, que em day-tours não dá tempo. Ou seja, chegando a ilhas mais vazias, quase sem outros turistas, e mais preservadas. Como, por exemplo, aos tão falados Cayos Holandeses e Coco Banderos. Não fui a essas, mas de veleiro cheguei a Salardup, Green Island e Isla Nuinudup, onde não havia NINGUÉM além de nós e dos índios.

Geralmente, o serviço a bordo de um veleiro custa entre US$160-US$250 por pessoa (depende do barco, da quantidade de gente e do número de dias) com tudo incluído. As refeições a bordo geralmente são mais elaboradas, com menu mais variado. Sempre comemos MUITO bem nos veleiros.

Na minha opinião, acaba sendo mais confortável do que nas cabanas. Mas, claro, recomendo apenas se você curtir o esquema de viajar e dormir em barco. Há veleiros de todos os níveis, desde mais antigos e menores, a outros bem bem bacanas.

Se você tem interesse, recomendo falar com a Marina da empresa Sailing Life Experience. Ela já viveu em San Blas a bordo de um veleiro, é apaixonada pela vida no mar e criou esse site, que funciona como um “booking” dos veleiros. Reserve o Veleiro Lycka através desse site (pelo booking.com também dá), ou o Veleiro El Tranquilo, os dois veleiros com os quais exploramos algumas ilhas de San Blas. Foi demais!!

Aqui no blog (lalarebelo.com/sanblas-veleiro) fiz um post contando toooooda a minha experiência a bordo dos veleiros em San Blas. Lindo lindo!! Clique aqui para ler.

Sailing Life Experience
Site: www.sailinglifeexperience.com
Telefone/WhatsApp: +34 677865419 (Espanha)
E-mail: info@sailinglifeexperience.com 

Mesmo se o Lycka e o El Tranquilo não estiverem disponíveis na data, a Sailing Life tem váárias outras opções de barcos na região. A Marina pode te ajudar a encontrar a opção ideal para você e seu grupo explorarem as ilhas.

veleiro lycka san blas panama
foto: sailinglifeexperience.com
veleiro lycka san blas panama
Veleiro Lycka em San Blas
veleiro el tranquilo san blas panama
Área externa do Veleiro El Tranquilo, San Blas

QUAIS ILHAS CONHECER SAN BLAS PANAMA

Estão organizadas aqui por ordem de “distância do terminal de barcos”, da mais próxima à mais distante (e não pela ordem de preferência ou beleza). O nome entre parênteses é a versão em Kuna.

Bem pertinho do terminal (a primeira das ilhas destinadas ao turismo), a poucos minutos de barco (aprox. 15). É a ilha com mais estrutura de todas: píer para chegada de barcos, vários banheiros, restaurante, cabanas para hospedagem e espaço para camping. Devido à proximidade com o continente e à boa infra-estrutura, é a mais lotada de todas. É uma ilha bem linda, mas pela quantidade de pessoas, não consigo achar que ela tenha a “cara de San Blas”, que pra mim está muuuuito ligada à ideia de ilha deserta! Ideal para quem vai com crianças ou para quem tem medo do barquinho Kuna, pois a viagem é super curtinha. Evite ir nos finais de semana.

Isla Aguja san blas panama
Isla Aguja

Isla Aguja san blas panama

Isla Aguja san blas panama

Isla Aguja san blas panama

Isla Aguja san blas panama

Também fica bem pertinho do porto (a segunda ilha de turismo, logo depois da Aguja), a apenas 15-20 minutos de barco, só que beeeem mais vazia. Eu, sinceramente, não gostei muito da Anzuelo (a ÚNICA até hoje que não gostei muito). Muitas árvores fazendo sombra (o que a torna mais escura), muitos pelicanos sobrevoando (inclusive um fez cocô em cima de mim – eeeeca!! Será que é sorte?! MUITA sorte?!?!!) e o mar também não é tão turquesa devido a quantidade de pedras em volta.

Isla Anzuelo san blas panama

Já falei dela ali em cima entre as opções de hospedagem. É uma das minhas preferidas, pois além de ser mais prática e fácil de chegar (é bem próxima do continente, a 3ª ilha… Logo após Aguja e Anzuelo, a apenas 20 minutos de barco), é linda, pequena, organizada, mar bem azul e quase nunca está CHEIA de turistas. Já dormi várias vezes lá.

Isla Iguana san blas panama
Isla Iguana

Isla Iguana san blas panama

Isla Iguana san blas panama

Isla Iguana san blas panama

Isla Iguana san blas panama

Obs.: A Isla Iguana continua fechada até a atualização desse post (julho/2017).

  • Isla Hierba

Descobrimos essa ilha por acaso, em um dia que íamos a Isla Perro mas, ao chegar, estava tããão lotada que pedimos ao nosso barqueiro (Fidélio) para nos levar a alguma outra em que não houvesse NINGUÉM! E assim fomos parar na Isla Hierba. Éramos eu, meu marido, um índio e duas índias que não falavam NADA de espanhol. Os corais dessa ilha eram simplesmente fantásticos. Fizemos um mergulho de snorkel belíssimo. Mas nunca mais ouvimos falar de lá e, segundo o Fidélio, é uma ilha fechada para turistas (abriram uma exceção naquele dia). Pergunte ao seu barqueiro… Quem sabe ele não se anima e te leva lá?!

Isla Hierba san blas panama
Isla Hierba

Isla Hierba san blas panama

A Isla Perro CHICO (há também a Perro Grande) é uma das mais famosa do arquipélago e o motivo é claro: simplesmente MARAVILHOSA. Seu nome é até falado de outro jeito mundo afora: Dog Island. Com certeza, o mar mais azul turquesa. Não deixe de levar seu snorkel, pois há um barco afundado que torna o mergulho ainda mais bonito, cheio de peixinhos coloridos para serem avistados. Claro que sendo uma das mais lindas, não ficaria deserta, né?! Só gosto de ir a Isla Perro quando não é fim de semana ou se for bem bem cedo, pois sua área de praia é bem pequena (e ainda colocaram uma rede de vôlei), ou seja, turistas amontoados. Fui em uma sexta-feira e foi perfeito! Quase ninguém. Para chegar lá, a viagem de barco leva em torno de 40 minutos.

A ilha possui cabanas para quem deseja dormir lá (chão de areia e banheiros compartilhados). Também possui um restaurante. Recentemente inauguraram quartos com varanda e muito mais estrutura. Reserve aqui.

isla perro san blas panama

isla perro san blas panama

isla perro san blas panama

isla perro san blas panama

isla perro san blas panama

isla perro san blas panama

isla perro san blas panama
Barco afundado na Isla Perro Chico – San Blas – Panamá
isla perro san blas panama
Barco afundado na Isla Perro Chico – San Blas – Panamá
  • Isla Perro Grande

Também chamada de Perro II, é vizinha da Perro famosa, que citei acima. Tem esse nome porque é bem maior do que a sua xará, mas não menos bonita. Pelo contrário!! O bom é que a Perro Grande é menos conhecida do que a irmã Perro Chico. Só fica devendo o barco afundado! Mas em nível de azul, acho que é até mais do que as outras. Eu sou simplesmente apaixonada por essa ilha. Descobri há menos de 1 ano, agora não deixo mais de ir!!! Ela não tem estrutura para dormir, mas dá para levar barracas.

Isla Perro Grande - San Blas - Panamá
Isla Perro Grande – San Blas – Panamá
Isla Perro Grande - San Blas - Panamá
Isla Perro Grande – San Blas – Panamá
Isla Perro Grande - San Blas - Panamá
Isla Perro Grande – San Blas – Panamá
Isla Perro Grande - San Blas - Panamá
Isla Perro Grande – San Blas – Panamá
  • Isla Pelicano

Essa ilha sempre foi uma das minhas queridinhas, porque é MUITO pequena e o mar é ABSURDAMENTE AZUL. Dessas de desenho animado: redondinha, areia branca, coqueiros no meio e muuuito mar em volta.

Fiquei chateada da última vez que fui, pois o mar “engoliu” parte da ilha e vários coqueiros morreram. Espero que não engula a ilha toda!! Mesmo assim ainda vale a pena ir para ver o mar ultra-turquesa.

Não tem NADA de estrutura (nem banheiro!), apenas uma cabana dos próprios Kunas donos da ilha. Leve cooler com lanches e bebidas. Cerca de 40-45 minutos para chegar, saindo do terminal.

Isla Pelicano san blas panama
Isla Pelicano

Isla Pelicano san blas panama

Isla Pelicano san blas panama

Isla Pelicano san blas panama

Isla Pelicano san blas panama

Isla Pelicano san blas panama

Isla Pelicano san blas panama

  • Isla Chicheme Grande e Chicheme Chico (Weindup)

Já bem mais distante, a 50 minutos de barco do terminal, Chicheme é simplesmente maravilhosa. Na verdade, são duas ilhas: a Chicheme Grande e a Chicheme Chico, uma em frente da outra.

A Chicheme Grande é de fato beeem grande, muito maior do que a maioria das ilhas do arquipélago (uma volta completa leva uns 25 minutos, enquanto nas outras, em menos de 10, você já rodou tudo). É uma boa opção de hospedagem e atrai muitos veleiros que navegam por essa zona do mar do Caribe. Se você quer dormir em Chicheme, deve ficar na ilha maior.

Já a Chicheme Chico é bem menor, mas não tão pequenininha como a Isla Pelicano. Não tem estrutura alguma: nada de restaurantes, banheiros, turistas… Nada nada! Apenas a família de Kunas, que pouco fala espanhol, muitos coqueiros e um mar B-E-L-Í-S-S-I-M-O!

Falando em mar, isso é o que há de mais lindo em Chicheme. Parece até que foi pintado! 50 tons de azul é até pouco. O que mais gostei nessa ilha é que há uma enorme faixa de mar que é bem bem rasinha (assim, pra sentar e ficar conversando) e a temperatura quentiiinha. Adorei!

Muitas pessoas cruzam de uma ilha para a outra de kayak ou de stand up paddle.

Fotos da Chicheme CHICO:

Isla Chicheme Chico san blas panama
Isla Chicheme Chico

Isla Chicheme Chico san blas panama

Isla Chicheme Chico san blas panama

Isla Chicheme Chico san blas panama

Isla Chicheme Chico san blas panama
Olha a Chicheme GRANDE ali do outro lado!!
  • Isla Fragata (Banedub) 

Recomendo essa ilha para uma paradinha no horário de almoço, e não para passar o dia. A Isla Fragata é maravilhosa e tem um visual bem diferente das outras, super rústico, bem ao estilo “perdidos no Mar do Caribe” (super fotogênico!!). Na verdade, são duas ilhas ligadas por um caminho de areia com água até os tornozelos. Como fica próxima à Isla Perro e à Piscina de Estrellas, muitos barcos acabam parando ali para que os turistas almocem. A comida é boa… Tem lagosta, camarão, peixe e frango acompanhado de arroz e salada.

Apesar de ser linda, a Isla Fragata não possui uma PRAIA, a areia é mais “dura”, batida… Vale passar um tempinho aproveitando do mar quentindo e rasinho.

isla fragata san blas panama
Isla Fragata

isla fragata san blas panama

isla fragata san blas panama

isla fragata san blas panama

isla fragata san blas panama

isla fragata san blas panama

  • Piscina de Estrellas

Esta não é uma ilha e sim um banco de areia no MEIO do mar profundo, com água até a altura do joelho, cheio de estrelas do mar. Faz parte da maioria das rotas de passeios que vão a San Blas. A visita à piscina é bem rapidinha, dura em torno de 20 minutos, mas é bacana de conhecer caso seja sua primeira vez no arquipélago.

Piscina de Estrellas - San Blas - Panamá
Piscina de Estrellas – San Blas – Panamá
Piscina de Estrellas - San Blas - Panamá
Piscina de Estrellas – San Blas – Panamá
Piscina de Estrellas - San Blas - Panamá
Piscina de Estrellas

Piscina de Estrellas - San Blas - Panamá

Piscina de Estrellas - San Blas - Panamá
Piscina de Estrellas – San Blas – Panamá
  • Cayos Holandeses

Qualquer pessoa que pesquisar sobre San Blas acabará achando fotos dos Cayos Holandeses, tidos como o que há de mais lindo no arquipélago. Por ser bem mais distante, pouca gente vai e quem vai apenas passar o dia, não consegue chegar até lá. O melhor jeito de conhecê-los (assim como Coco Banderos, outro grupo de ilhas intocadas) é quando você se hospeda em um veleiro.

cayos holandeses san blas panama
Cayos Holandeses | foto: @mytidymess
cayos holandeses san blas panama
foto: @marianoacano
  • Isla Bidirdub

Essa ilha fica completamente fora da “rota turística”, ou seja, é mais longe e também mais vazia, em outro “rumo”. Achei linda, com estrutura de banheiros para quem quiser acampar (levar barraca). Nós passamos apenas o dia!! O mar, de um lado, tem um pouquinho mais de ondas, mas talvez seja porque estava ventando muito quando fomos. Gostei por ser beeeeeem tranquilona, com uma enorme faixa de areia, praticamente só pra gente!

Isla Bidirdub - San Blas - Panamá
Isla Bidirdub – San Blas – Panamá
Isla Bidirdub - San Blas - Panamá
Isla Bidirdub – San Blas – Panamá
Isla Bidirdub - San Blas - Panamá
Isla Bidirdub – San Blas – Panamá | Regras e contato
Isla Bidirdub San Blas panama
Acampando na Isla Bidirdub – San Blas – Panamá
Isla Bidirdub San Blas panama
Banheiro da Isla Bidirdub – San Blas – Panamá
Isla Bidirdub San Blas panama
Isla Bidirdub – San Blas – Panamá

quanto tempo ficar em san blas

Acho que de 1 a 3 noites é o suficiente, afinal, trata-se de um lugar super rústico, com poucos recursos e infra-estrutura limitada. Depende mesmo é de você e do quanto você curte esse esquema mais roots. Eu amei a experiência de dormir em uma ilha deserta e ver o nascer e o pôr do sol, assim, sentadinha na areia, em um lugar de natureza quase intocada. Mas há quem também não gostou nada! rs.

Quem preferir uma experiência um pouco mais cômoda, recomendo hospedar-se no veleiro (reserve pelo site da Sailing Life Experience). No veleiro acho que 4 dias é um tempo bacana!!

passar o dia em san blas

SIM!!!

Você pode ir apenas para passar o dia, que é o que eu normalmente faço, já que moro no Panamá (para isso, você tem que sair do seu hotel por volta das 5 da manhã). O barqueiro vai te buscar na ilha no máximo às 16h, pra te levar de volta para o terminal. Parece cansativo, mas vale cada segundo.

Mas, já que você vem de tão longe, e não se contentará com tão poucas horas desse paraíso, recomendo MUITO que você durma pelo menos 1 NOITE no arquipélago.

Seja para passar apenas o dia ou seja para dormir algumas noites no local, o importante é não deixar de conhecer San Blas.

comida alimentacao san blas

Sim.

Algumas ilhas possuem restaurantes e lanchonetes (muuuuuito básicos) mas a maioria não tem absolutamente NADA para vender, ou quando têm, se estão muito cheias, comidas e bebidas podem acabar (estamos falando de pequenas ilhas controladas por índios no meio do “nada”). Por isso, recomendo SEMPRE levar um cooler com bebidas, sanduíches, salgadinhos... Enfim, o que você julgar básico e o suficiente para “sobreviver por um ou dois dias” rs.

Geralmente as ilhas que têm hospedagem trabalham com o sistema “all inclusive”, com café da manhã, almoço e jantar incluídos no preço da hospedagem (bebidas a parte). Não espere um mega banquete, heim? Os pratos são sempre muito simples e muito parecidos: arroz + salada + peixe ou frango (frito, assado ou ensopado) no almoço e no jantar. No café da manhã: omelete + Nescafé com leite.

Fique de olho na praia porque sempre aparece um barquinho vendendo lagostas e caranguejos enoooormes, que você pode comprar e pedir para os Kunas prepararem pra você!

Almoço na Isla Fragata | Pratos: lagosta, peixe e polvo, acompanhados de arroz, salada e patacón
Almoço na Isla Fragata | Pratos: lagosta, peixe e polvo, acompanhados de arroz, salada e patacón
Isla Fragata
Isla Fragata
Almoço na Isla Iguana
Almoço na Isla Iguana
Lagostas sendo vendidas pelos Kunas
Lagostas sendo vendidas pelos Kunas

quanto custa san blas preços valores

Viajar para San Blas tem saído cada vez mais caro (claro, os Kunas estão aproveitando a fama do local, e aumentando o preço…), mas ainda trata-se de uma viagem barata.

Aqui vão alguns valores, que podem sofrer alteração:

  • Pedágio/Entrada na comarca (fronteira Kuna no meio da estrada): US$5 por carro + US$5 por panamenho/residente e US$20 por estrangeiro.
  • Estacionamento (é seguro… Sempre deixo meu carro lá quando vou para dormir ou passar o dia): US$3 por carro + US$2 por pessoa dentro do carro.
  • Barco: depende das ilhas que você escolher para conhecer (da distância, da rota etc.), mas geralmente para passeios de um dia, os barqueiros cobram US$30 – US$35 por pessoa. Combine com antecedência com um dos barqueiros que recomendei acima. Quem sabe, pode até rolar um preço mais camarada.
  • Entrada na ilha: cada ilha cobra uma taxinha para que você possa “usufruir de sua beleza” (algumas até pulseirinha de camarote colocam no seu pulso!!). A taxa é simbólica… Pode ser de US$1 a US$4 por pessoa (depende da ilha).
  • Hospedagem: também depende da ilha que você escolher para passar a noite. Algumas podem sair por menos de US$30 por pessoa, como a Franklin e Senidup, outras por mais de US$80 por pessoa, como a Coco Blanco (e agora as cabanas da Isla Iguana que possuem banheiros privativos).
  • Passeio com agências e não por conta própria: geralmente, quando se vai com uma agência, todos os valores já estão incluídos (transporte terrestre, marítimo, taxas, entrada nas ilhas e, às vezes, até alimentação). O valor varia conforme agência de turismo e época do ano. O orçamento que recebi da Go2SanBlas Tours para passar o dia na Isla Chicheme é de US$130 por pessoa. Mas é possível combinar visitas a outras ilhas em um único dia. Fale com eles! As mesmas agências também podem arranjar a hospedagem. Você paga o “pacote completo” e trata diretamente com a empresa, e não com as ilhas e barqueiros.
  • San Blas a bordo de um veleiro: depende muito da época, do tipo de barco, do número de pessoas, da quantidade de noites etc. mas, normalmente, este tipo de viagem custa entre US$160-US$250 por pessoa, por dia, com tudo incluído.
  • Comida nas ilhas: muitas ilhas possuem restaurantes. O valor de um prato vai de US$10  a US$30 (depende do que você escolher, entre peixe, frango, lagosta ou camarão).
  • Artesanato Kuna: depende do quão turística é a ilha que você for, mas normalmente uma mola (bordado super lindo e colorido) do tamanho de um quadrinho de 30x40cm custa cerca de US$10.
  • Pacote direto com a ilha (transporte terrestre, marítimo, hospedagem, alimentação e passeios de um dia para outras 3 ilhas): US$160 (valor da Isla Iguana).
  • Day-tours para outras ilhas (partindo de San Blas): já estando hospedado em uma ilha, claro que você vai querer usar seus dias para conhecer outras belezas do arquipélago. Estes passeios normalmente custam US$15 por pessoa, passam pelas ilhas mais conhecidas, como Perro, Pelicano, Piscina de Estrellas etc. e podem ser arranjados diretamente com a sua ilha. Algumas ilhas oferecem day-tours para locais mais distantes, como Cayos Holandeses.
  • Aluguel de carro (camionete, de preferência 4×4) para fazer por conta própria a parte terrestre Cidade do Panamá – terminal de barcos: pesquise preços aqui.

> Vá com bastante dinheiro em CASH (eles AINDA não aceitam cartão de crédito! rs).

> Leve DINHEIRO “TROCADO”, pois você paga cada coisa para diferentes pessoas, em diferentes lugares.

quando ir san blas melhor época

Entre os meses de dezembro a março , que é a TEMPORADA SECA, com pouca probabilidade de chuva e muito sol e céu azul (que é o que ajuda a água parecer ainda mais turquesa).

Mas, sinceramente, não há uma época certeira, com garantia de quase 100% de que você só irá pegar tempo bom. Muitas das fotos super lindas e ensolaradas do blog foram tiradas em abril ou em agosto, que é temporada de chuvas. Já fui também às ilhas em janeiro, mês considerado ótimo, e peguei um baita temporal. O jeito mesmo é contar com a sorte, e torceeeer pra fazer dias lindos! 😉

DICAS EXTRAS

  • Não esqueça de levar seu PASSAPORTE. Como se trata de um território autônomo indígena, no meio da estrada existe uma “fronteira” (posto do Congreso General Guna e posto do Servicio Nacional de Fronteras do Panamá – SENAFRONT) e eles vão pedir para vê-lo (residentes/locais podem levar apenas o carnet de residência).
  • Como já falei acima, levar bastante DINHEIRO VIVO, e TROCADO. Não aceitam cartões.
  • A única REDE DE CELULAR que funciona em qualquer lugar de San Blas (e na estrada) é a da + Móvil (e, às vezes, Digicel). Se não quiser ficar desconectado durante toda a sua estadia, compre um chip pré-pago antes de ir. Vende em vários lugares na Cidade do Panamá (tem lojas também nos shoppings).
  • Só combine com MOTORISTASBARQUEIROS e AGÊNCIAS que tiver boas recomendações (minhas, de hotéis ou de outros blogs e sites confiáveis). Anote todos os contatos (nomes, telefones etc.), tire até foto das pessoas e carros, se precisar! Tenha certeza de que não vão te deixar pra trás (infelizmente, acontece… Falta seriedade e responsabilidade em muita agência que trabalha com San Blas! Nós já resgatamos um casal de suíços esquecidos.). Eloisa, Fidélio e Grimaldo são “ponta firme”! rsrs
  • O trecho final da estrada (os últimos 40km, de Chepo ao terminal de barcos) é cheio de curvas e sobe-desce. Não é fácil não. Eu sempre enjoo. Se você é desses que sempre passa mal, recomendo tomar um DRAMIN antes sair do hotel.
  • O caminho de BARCO nem sempre é muito agradável. Depende das condições do mar no dia e da “habilidade” e responsabilidade do barqueiro, mas muitas vezes está bem “picado”. Se tem medo ou se enjoa fácil, escolha ir a uma ilha mais próxima do terminal. Eu sempre levo toalhas ou uma almofadinha para sentar em cima caso pule um pouco. Pra pular menos, sente na parte de trás do barco. Vai molhar MAIS, mas não irá bater tanto quanto nas primeiras fileiras.
  • Leve um REPELENTE. Nas ilhas, quase não há mosquitos. Mas no terminal de barcos há, e muuuuito. Pra não ficar o resto dos seus dias de férias se coçando e cheio de marcas, passe repelente antes mesmo de sair do carro.
  • Leve SACOS DE LIXO (pode ser sacolinha de supermercado), pois não é legal deixar o lixo nas ilhas (nem pode).
  • Nas ilhas não há CADEIRAS ou ESPREGUIÇADEIRAS. Se você não gosta de esticar a canga na areia e ficar deitado, leve suas próprias cadeiras de praia (e guarda-sol, apesar de que há bastante coqueiro/sombra nas ilhas).
  • Mesmo se for a uma ilha com restaurante, leve um cooler com BEBIDAS e algumas COMIDINHAS… Pelo menos o básico!
  • Se gostar de mergulhar, leve seu próprio SNORKEL. Há ilhas com corais lindos, cheios de vida marinha.
  • Pode parecer uma dica besta, mas eu adoooooro. 🙂 Algumas ilhas de San Blas tem o mar tão tão calmo que é perfeito para ter uma BÓIA e ficar, ahm…. Boiando! hehehe. Eu sempre levo a minha!!

Para ajudar na decisão de vocês em relação a quais ilhas visitar (ou confundir mais um pouco!! rsrs), aqui vai o meu TURQUESÔMETRO, com notas de 1 a 5 para o tom de turquesa do mar que rodeia cada ilha citada aqui neste post (lembrando que muita coisa pode influenciar o tom de azul do mar, principalmente a intensidade do sol) 😉 :

turquesometro lala rebelo san blas panama

Extras de Turquesômetro

  • Isla Bidirdub – 4
  • Isla Kuanidup – 4

Ilhas que podem ser visitadas mais facilmente quando hospedado em um veleiro:

  • Salardup – 5
  • Green Island – 5
  • Isla Nuinudup – 5
  • Coco Banderos – 5

(Neste post aqui eu coloquei bastante foto e contei mais dessas ilhas exóticas que conheci de veleiro).

Espero que você tenha se apaixonado pelas ilhas assim como eu! ♥

Se ainda tiver alguma dúvida, por favor, escreva no espaço para comentários que está logo abaixo. Terei o maior prazer em te ajudar.

*** ASSISTÊNCIA MÉDICA INTERNACIONAL ***

Já tem seguro de saúde internacional? Sempre fecho o meu pela REAL Seguros, que compara preços de diversas seguradoras. Já precisei usar uma vez, e deu tudo certo. Clique aqui para fazer uma cotação. Após compra online, a apólice chega por email em minutos.

Adiós y besos, 
Lala Rebelo (@lalarebelo)

Quer conhecer mais do Panamá?
Leia:

Comentários