Parte 1

DUBROVNIK no verão

De carro pela Croácia

ACABEI de voltar das minhas férias e já tem o primeiro post com dicas de Dubrovnik!

É que a empolgação com a Croácia é tanta, que quero logo contar tudo. Aqui você vai encontrar um roteiro completo, com muitas dicas de passeios, restaurantes e hotéis. Se você gosta (ou não) de Game of Thrones, Dubrovnik é uma parada obrigatória em qualquer viagem a Croácia.

Dicas de Dubrovnik na Croacia

Fizemos uma viagem de carro, começando por Dubrovnik (pontinha sul do país), que fica no estado da Dalmácia, indo até a capital  Zagreb (ao norte), passando por Hvar, Split e Lagos de Plitvice (ao final, demos uma esticadinha até a capital da Eslovênia, Ljubljana, que fica a apenas 2h de carro de Zagreb).

Decidimos começar por Dubrovnik para fazer a costa primeiro, mas você pode tranquilamente inverter o roteiro, começando por Zagreb (ou pela Eslovênia, se tiver interesse). As balsas que usamos para chegar e ir embora da ilha de Hvar também fazem “ida e volta”, ou seja, fazendo o meu roteiro “ao contrário”, também dará certinho!

mapa viagem de carro croacia

*** NOSSO ROTEIRO ***

  • Dubrovnik: 2 dias/2 noites (talvez seja legal ficar 3 dias na cidade, para conhecer algumas das ilhas que tem ali perto ou até mesmo fazer uma excursão até Montenegro).
  • Hvar: 3 dias/3 noites (Hvar oferece de tudo: praias, baladas, cidade histórica e monumentos, vinícolas… Escolhemos ficar 3 dias lá porque era onde queríamos de fato “descansar”, mas se seu tempo for mais curto, dá bem ficar 2 dias/2 noites na ilha).
  • Split: 2 dias/2 noites (exageramos. Split é pra ficar um dia inteiro apenas/1 noite. Usamos o 2º dia para conhecer Trogir, uma cidade pequenininha bem legal e interessante que fica a apenas meia hora de Split).
  • Plitvice: 1 dia/1 noite (para conhecer o parque INTEIRO é legal passar 1 dia lá dentro e fazer a rota mais longa. Amei! E como saímos mortos depois, achei essencial ter um hotelzinho lá perto para dormir 1 noite. Para quem tem tempo curto, também dá para dormir em Zagreb, pois são 2h de carro. O parque abre às 7h e fecha às 20h no verão).
  • Zagreb: 1 dia/1 noite (um dia é o ideal para conhecer toda a parte turística da cidade com calma).

+++ Ljubljana (Eslovênia): 1 dia e meio/1 noite (a cidade é uma gracinha, bastante coisa pra ver, mas tudo tão pequeno e pertinho que dá pra fazer bem rápido. Os restaurantes são ótimos! Indico muito essa esticada até Ljubljana! Fica a apenas 1h30 de carro de Zagreb).

Para os que gostam de dirigir, enjoy! As estradas da Croácia são lindíssimas!!! A parte que bordeia o mar então… O próprio caminho já é a atração turística! 🙂

*** COMO CHEGAR ***

Chegamos em Dubrovnik de EasyJet, saindo de Paris (aeroporto de Orly). Indico MUITO essa cia aérea. É super barata, mas, ao contrário de outras empresas low cost européias, esta quase sempre chega nos aeroportos centrais e tem um ótimo atendimento.

Ainda não existem vôos diretos do Brasil para a Croácia. A forma mais fácil de chegar no país é pegando um vôo do Brasil para uma cidade central do oeste europeu, apenas para fazer conexão, e depois ir para Dubrovnik ou Zagreb pela mesma cia aérea. As melhores para fazer isso são: Lufthansa (conexão em Frankfurt, Alemanha), Air France (conexão em Paris, França), Swiss (conexão em Zurich, Suiça) e KLM (conexão em Amsterdam, Holanda).

*** PASSAPORTES E VISTOS ***

Assim como para entrar em qualquer outro país europeu, brasileiros não precisam de visto para entrar na Croácia. Apenas passaporte válido por mais 3 meses a partir da data de regresso. Porém, apesar de já fazer parte da União Européia (desde 2013), a Croácia ainda não faz parte do Espaço Schengen (entrada prevista para 2018), que é o que garante a livre circulação de pessoas dentro do território europeu. Ou seja, para ir da França (ou de qualquer outro país que faz parte do Schengen), você precisa fazer imigração, carimbar passaporte de novo etc.

*** SEGURO DE SAÚDE OBRIGATÓRIO ***

Outra coisa é o seguro de saúde obrigatório. Para entrar na Europa “espaço Schengen” precisa ter. Mas como Croácia não faz parte ainda, geralmente os seguros básicos para viagens a Europa não cobrem sua temporada na Croácia (se em 2018 a Croácia fizer mesmo parte do Schengen, isso mudará!).

Como eu nunca viajo sem seguro de saúde internacional, fiz um a parte. Sempre faço o meu pela REAL Seguros. Clique aqui para fazer uma cotação. Após compra online, a apólice chega por email em minutos.

* Quando você faz seu seguro por este link, o blog ganha uma pequena comissão e você não paga nada a mais por isso. Obrigada! 

*** ALUGUEL DE CARRO ***

Pegamos o carro em Dubrovnik (no Hotel Hilton Imperial, que fica pertinho do centro histórico) e devolvemos em Ljubljana, Eslovênia (na estação de trem). Pegamos o carro já no dia de viajar para Hvar (já que dentro da cidade você não usa o carro pra nada, e assim economiza algumas diárias). Por isso, atenção! O aeroporto de Dubrovnik fica longe da cidade. Se for pegar o carro só no dia de seguir viagem para Hvar, não marque para pegar o carro no aeroporto (porque nem no caminho de Hvar fica)!! 

Alugamos pela Rentalcars e funcionou perfeitamente. Pesquise aqui.

Os estacionamentos na Croácia são bem caros… Tente sempre achar um lugarzinho na rua. Eu não vi perigo algum.

Aluguel de carro na Croacia
Nós e o nosso companheiro de viagem CARROvačko! (nome em homenagem a nossa cerveja croata preferida: Karlovačko! rsrs)

*** OUTRAS INFORMAÇÕES IMPORTANTES ***

A moeda da Croácia é o KUNA (HRK). 1 dólar equivale a 5.76 kunas (fonte: Bloomberg). Leve dinheiro em Euros ou Dólares para trocar lá mesmo. E tenha bastante dinheiro em CASH. Em Dubrovnik e Hvar eu até achei bem fácil pagar com cartão, já nas outras cidades… Impossível! Só queriam dinheiro “vivo”.

A voltagem da Croácia é 220v. Para os que moram em terras 110v, atenção: levem seus eletrônicos bivolt. Além disso, não esqueça seu adaptador, pois nenhuma tomada no mundo é como as novas do Brasil! Eu sempre viajo com aqueles “adaptadores universais”. A tomada croata é bem simples (tipo C: dois pinos arredondados paralelos – o que era comum antigamente no Brasil. Leia mais aqui).

*** IMPRESSÕES SOBRE A CROÁCIA ***

Primeiro comentário (de gordinha): que comida fantástica! Quando você vai pra França ou pra Itália, é normal esperar que a comida seja ótima. Mas a Croácia me surpreendeu neste quesito, seja com pescados e mariscos (fresquíssimos) ou até mesmo com carnes e massas. É tudo de fechar os olhos e fazer “Hum….”!! hehehe (parece mentira, mas comi uma carne em uma ilha perto da ilha de Hvar que era melhor do que em qualquer restaurante argentino! rs).

[DELÍCIAS LOCAIS]

. A Dalmácia (Dubrovnik, Hvar e Split) é o lugar para comer tudo que venha do mar. Peixe, lula, mariscos… Não deixe de provar o POLVO.

. A sobremesa típica se chama Rosata (praticamente o nosso pudim).

. O AZEITE CROATA é coisa de outro mundo! Comíamos todos os dias com pão e ainda trouxemos vários para casa. Sério, é muito bom!

. Os vinhos croatas também são ótimos. Enquanto estávamos lá só tomamos vinhos locais! Recomendo muito o branco Pošip, da região da Dalmácia.

. A cerveja, com certeza, é a Karlovacko!

O que dizem na Dalmácia: não gaste dinheiro comprando água (a da torneira já é ótima, limpa e sem gosto algum). Gaste comprando vinho!” 😀

Comida Cerveja Croacia
Mariscos, couscous, cerveja Karlovacko, vinho Posip e salada de polvo

Além da comida (gooooorda!!), a impressão que tive sobre a Croácia foi das melhores! Voltei dizendo “UAU! Que país!”. Tão pequeno (56mil km2 / 4,2 milhões de habitantes) e TÃO completo (todos os tipos de paisagens, de clima, de história…), tão organizado, tão gentil e TÃO PREPARADO PARA O TURISMO.

Há quem diga que Croácia não é “país de 1º mundo”. Um engano… Não vi nada que o deixasse atrás de uma França, por exemplo. E quando você vê assim, um país tão em harmonia, onde tudo funciona tão bem, não dá para acreditar em tudo pelo que a Croácia já passou. E tão recentemente.

Foram terremotos que destruiram tudo, guerras inumeráveis… Imagine que a Croácia não tinha autonomia de si desde 1.102 (foi parte da Hungria por 900 anos). E quando, ao final da 2ª Guerra Mundial, declarou sua independência, foi forçada a integrar o reino da Iugoslávia. Em 1991 os croatas declararam independência da Iugoslávia, mas logo em seguida, foi invadido violentamente pelo Exército Federal, que estava sob o domínio sérvio.

Ao visitar alguns monumentos na Croácia, você vê marcas de bala, de míssil e tudo mais, datados de praticamente 20 anos atrás! As Nações Unidas intervieram militarmente para garantir a paz e só em 1992 o país foi declarado independente. Porém, tem território croata que só foi devolvido em 1998!

Quando você lê uma história tão conturbada assim, não dá pra acreditar que o país seja tão fantástico, tão perfeitinho e esteja de braços tão abertos para o mundo! 🙂

Bandeira da Croácia
Bandeira da Croácia

Sobre o lugar

Vamos agora falar da cidade mais famosa da Croácia, cidade real que mais parece cenário de filme medieval. Inclusive, é onde gravaram várias cenas de Game of Thrones: DUBROVNIK!

[SOBRE DUBROVNIK]

Como começar a escrever sobre o lugar que com certeza entrou no meu Top 5 de cidades ao redor do mundo? Dubrovnik é demais! Que delícia se perder pelas ruelas da cidade murada e de repente achar um restaurantinho fofo ou até mesmo um bar descolado pendurado (literalmente) nas muralhas!

Não dá pra acreditar que de 1991 a 1992 a cidade foi alvo de bombardeios iugoslavos pesados (mais de 2 mil bombas e mísseis caíram sobre a cidade e mais da metade das casas e monumentos foram atingidos). Que tristeza! Graças ao esforço da Unesco e da União Européia (e dos croatas, claro!), desde 1995 a cidade vem sendo reparada e já tem de volta a sua beleza que deixa qualquer um apaixonado.

Mesmo fora das muralhas, a cidade também é linda. Mas é lá dentro que tudo acontece e o que faz dessa cidade um Patrimônio Mundial da UNESCO: muralhas imponentes e bem conservadas, arquitetura medieval + renascentista + barroca, o mar Adriático deslumbrante e ruelas cheias de restaurantes charmosos. Não é a toa que a cidade é apelidada de “pérola do Adriático”.

Rua principal Dubrovnik Placa
Placa ou Stradun (a rua principal da Old Dubrovnik)
Vista Dubrovnik Teleferico
Vista de Dubrovnik pelo teleférico
Onde comer em Dubrovnik
Restaurantinhos fofos pelas ruelas da Old Town…

Dicas de Dubrovnik Croacia

Dicas dubrovnik croacia

Torre do Relógio Dubrovnik Croacia
Torre do Relógio, na Praça da Galeria

Vista panoramica Dubrovnik

Dicas dubrovnik croacia

↑ Voltar ao começo do post


Como chegar / Onde ficar

*** HOTÉIS ***

Uma decisão antes de escolher seu hotel: ficar dentro ou fora da cidade murada. Acho legal ficar DENTRO, já que é onde tudo acontece, porém não se chega de carro. Então, prepare-se para carregar malas, subindo e descendo degraus. E os preços também são bem elevados. Pra mim, o ideal é ficar FORA, mas perto o suficiente para ir a pé para a cidade murada.

Uma casa charmosíssima (com piscina top) e uma vista LINDA. Achei este hotel demais. Fica fora da cidade murada mas é possível ir a pé tranquilamente. Fica em uma zona onde estão outros hotéis de luxo.

Reserve aqui.

Hotel em Dubrovnik
foto: bedandbreakfast.eu

Um dos hotéis mais clássicos da cidade. Bem luxuoso, mas achei bem caidão. Não conheci os quartos, apenas lobby, restaurantes e piscina. A localização é super. É vizinho do Villa Allure (acima), ou seja,pertinho pra ir a pé para a cidade murada, mas numa área bem mais calma. O que achei de mais legal foi o restaurante Prora e a piscina no meio das pedras (parece que está dentro do mar) com vista para Old Dubrovnik.

Reserve aqui.

Restaurante PRORA, no Hotel Excelsior de Dubrovnik
Restaurante PRORA, no Hotel Excelsior de Dubrovnik
Piscina do hotel Excelsior Dubrovnik
Piscina do hotel

Fica de fato na “boca” da cidade murada, a alguns passos do portão principal (Portão Pile). Hotel grandão e bem luxuoso. Entrei apenas para buscar o carro que alugamos na Sixt que fica lá dentro e achei bem bacana. A localização é fantástica.

Reserve aqui.

hotel hilton imperial dubrovnik croatia

Este é o único hotel que fica DENTRO da cidade murada que posso indicar pois foi o único que conheci (lobby, exterior, localização). Tudo maravilhoso. Imagino que seja bem salgadinho o preço, pois pra ter essa estrutura top no MEIO da cidade histórica, não é fácil não rsrs.

Reserve aqui.

Hotel The Pucic Palace Dubrovnik
Fachada do The Pucic Palace, dentro da cidade murada de Dubrovnik
Hotel em Dubrovnik Croacia cidade murada
Lobby do The Pucic Palace, em Dubrovnik (Old Town)

>> Dentro da cidade murada existem centenas e centenas de pequenos hotéis e quartos avulsos. A grande maioria está no booking.com! Tem muitos que pelas fotos parecem bem bem lindos. 

Este é para quem busca uma ótima relação custo-benefício. Ficamos lá. Achei o preço super bom e a estrutura, apesar de simples, super confortável e o atendimento excelente. Fica um pouco afastado do centro histórico, mas em 10 minutos de ônibus (público, de linha), que sai quase que da frente do hotel, você chega lá (ônibus nº 6). O bairro se chama Lapad. É uma zona ótima, também cheia de restaurantinhos (área peatonal) e uma praia a alguns passos.

Reserve aqui.

Hotel barato Dubrovnik Croacia
Hotel Zagreb, em Dubrovnik (bairro: Lapad)
Dubrovnik Lapad Croacia
Restaurantes da rua peatonal onde fica o Hotel Zagreb, no bairro Lapad

dicas de viagem onde ficar hotel dubrovnik dalmácia praia croácia

↑ Voltar ao começo do post


Comes e Bebes

Bom, por tudo o que já falei da comida croata, acho que não tem dúvida de que onde você parar, você vai comer MUITO bem! 🙂

O mais legal é se “enfiar” pelas ruas e becos paralelos e perpendiculares à Stradum/Placa (avenida principal da Old Town). Olhando para a Torre do Relógio, entre nas ruelas à sua esquerda (subindo as escadas)… São dezenas de restaurantes legais! Nós comemos em um que se chamava Sebastian. À direita da Placa (olhando para a Torre do Relógio) também tem vários. Indico o PUPO Tavern.

Onde comer dubrovnik croacia
Almoçando no PUPO Tavern, pelas ruas da cidade murada…

O maior achado de Dubrovnik!! Quase não acreditamos quando vimos. Totalmente inesperado. Uma pessoa local apontou uma portinha (minúscula) e falou pra gente ver o que tinha dentro, que a gente ia gostar. Imaginem um BAR, com música e gente animada, do lado de fora das muralhas da cidade, encaixado nas rochas, e todo mundo pulando no mar. UAU! Nadar ao lado das muralhas medievais! Que experiência! Vá de biquini/sunga pra poder se jogar! Não existe palavra para explicar a sensação de nadar nesse lugar.

Endereço: Pera Cingrije, 2

Bar em Dubrovnik croacia - Mala Buza
Portinha que dá acesso ao bar Mala Buza. Não dá pra acreditar no que você vai encontrar “do lado de lá”!
Bar em Dubrovnik croacia - Mala Buza
Mala Buza Bar visto das muralhas

Bar em Dubrovnik Croacia

Bar em Dubrovnik Croacia - Mala Buza

Bar Mala Buza Dubrovnik Croacia

Bar em Dubrovnik Mala Buza Cerveja

Assista ao vídeo gravado de dentro da água:

Dicas bem legais de dois restaurantes que ficam fora da cidade murada, mas que têm uma SUPER vista de Dubrovnik (TEM que ir!!!):

Fica lááááá em cima da montanha, por isso tem que ir de teleférico (cable car). Oferece uma super vista de toda a cidade! Incrível! Não comemos lá, apenas tomamos um vinho croata. Indico muito passar um tempinho sentado ali, apreciando a vista. Quem quiser reservar um almoço ou jantar, o telefone é +385 (0)20 312664 ou +385 (0)91 4860047.

Onde comer Dubrovnik Croacia

Onde comer Dubrovnik Croacia

Que lugar UAU! Esse é uma parada obrigatória pra despedir de Dubrovnik. Vista LINDA da cidade murada, atendimento super e comida maravilhosa. Fica no hotel Excelsior. Foi o nosso melhor jantar de toda a viagem. Reserve no horário do por do sol para ter uma experiência ainda mais linda. No dia que fomos, ainda fomos presenteados com uma baita lua cheia! Reserve ligando para +385 (0)20 353000.

Vista da cidade murada de Dubrovnik
Vista da cidade murada de Dubrovnik

PRORA restaurant hotel excelsior dubrovnik croatia

Onde comer Dubrovnik Croacia
A lua cheia de presente… [PRORA Restaurant, Hotel Excelsior]

↑ Voltar ao começo do post


O que fazer / Roteiros

Dubrovnik vai muito além de comer, comer, comer… hahahaha!

Porém, não espere que seja uma cidade de PRAIA. Na cidade mesmo, não existe. Nas proximidades existem algumas, mas o atrativo mesmo é a Old Town.

Existe um cartão de turismo que dá acesso a várias atrações (museus, muralhas, galerias), com descontos. Chama-se Dubrovnik Card. Está a venda por toda a cidade (fácil de encontrar). E ainda dá direito a uso grátis de transporte público! Para saber quais atrações estão inclusas no cartão, clique aqui.

Dubrovnik Card
Dubrovnik Card: de 1, 3 ou 7 dias (de 1 é o suficiente!)

[O QUE FAZER EM DUBROVNIK]

  • Passear pelas ruas da cidade murada, entrando para conhecer:

. Igreja de São Sávio
Que fica espremida entre os muros da cidade e o mosteiro franciscano. Está bem em frente à Grande Fonte de Onofrio, logo que você entra na cidade murada pelo portão principal chamado Portão Pile. Tudo fica já na Stradum/Placa (rua principal da cidade murada).

Turismo em Dubrovnik Croacia
Igreja de São Sávio (espremida pelas muralhas)
O que fazer Dubrovnik Croacia
Stradum/Placa (Torre do Relógio no fundo)

O que fazer Dubrovnik Croacia

. Mosteiro Franciscano
Começou a ser construído em 1317, mas foi quase inteiramente destruído no terremoto de de 1667. Repare nas marcas de balas/mísseis do ataque iugoslavo. É legal conhecer a Farmácia Antiga que fica lá dentro, datada de 1317, com prateleiras cheias de alambiques, pilões, tudo original.

O que fazer Dubrovnik Croacia
Mosteiro Franciscano, ao lado da Igreja de São Sávio
O que fazer Dubrovnik Croacia
Dentro do Mosteiro Franciscano

. Igreja de São Blásio
Fica em uma praça importante da cidade, Praça da Galeria. Nesta praça também está a Torre do Relógio, a Galeria do Sino (4 sinos, de 1463, que eram tocados para que os cidadãos se reunissem no caso de algum perigo), e outros monumentos.

O que fazer Dubrovnik Croacia
Praça da Galeria com a Igreja de San Blásio a direita

Foi um dos passeios mais legais que fiz em Dubrovnik, pois a vista é incrível! Vale muito a pena pra “entender” a localização da cidade murada, da Ilha de Lokrum (que fica em frente a Old Town), da baía… E lá em cima ainda tem o restaurante Panorama que já contei aqui!

O que fazer Dubrovnik Croacia
Estação do cable car

O que fazer Dubrovnik Croacia

O que fazer Dubrovnik Croacia
Mais uma no restaurante Panorama, que se chega de Teleférico. Lá embaixo: Old Town Dubrovnik e Ilha de Lokrum

Um dos monumentos de fortificação mais grandiosos da Europa. Símbolo da cidade, as muralhas tem quase 2km de extensão, e sua altura atinge, em algumas partes, os 25m. Achei uma experiência incrível caminhar sobre toda a muralha, tendo vistas da cidade histórica e do mar Adriático! Um passeio obrigatório na sua visita a Dubrovnik. 🙂 No verão, as muralhas ficam abertas até às 19h. Portanto, como faz um calor absurdo, deixe para começar o passeio às 18h, e ainda pegar o comecinho do por do sol!

O que fazer Dubrovnik Croacia
Em cima das muralhas de Dubrovnik

O que fazer Dubrovnik Croacia

O que fazer Dubrovnik Croacia
Por do sol no mar Adriático visto das muralhas de Dubrovnik

O que fazer Dubrovnik Croacia

O que fazer Dubrovnik Croacia

O que fazer Dubrovnik Croacia

Gostou de Dubrovnik? Eu A-M-E-I!!!
Foi difícil partir! rs

Para fechar, algumas cenas de Game of Thrones que agora você já vai saber exatamente aonde foram filmadas!!

Game of Thrones Dubrovnik Croacia
Muralhas de Dubrovnik – ou seria, King’s Landing?! | foto: ageekoutside.com
Game of Thrones Dubrovnik Croacia
Preparando o cenário para as gravações | foto: dubrovniksightseeing.com
Game of Thrones Dubrovnik Croacia
Agora já gravando as cenas! | foto: dubrovniktoday.net

Game of Thrones Dubrovnik Croacia

Como já falei no início do post, pra curtir bem a cidade, fique 2 dias inteiros. Mas, se tiver um tempinho extra, fique 3. Pois no 3º você pode fazer uma das três opções abaixo:

. Excursão de barco de um dia pelas 3 principais ilhas do ARQUIPÉLAGO ELAPHITE (Sipan, Lopud e Kolocep). Você vai encontrar gente oferecendo esse passeio por todos os lados de Dubrovnik. Uma indicação: Dubrovnik Boat Excursions (welcome@dubrovnikboatexcursions.com).

. 1 day-trip para MONTENEGRO, conhecendo as cidades de Kotor e Budva. Veja o roteiro neste site.

. Passeio em KORČULA, uma ilha linda cheia de vinhedos e praias de areia. Dizem que é onde nasceu Marco Polo. Você pode até mesmo fazer um dia de wine tasting na ilha. Há ofertas desse passeio por várias partes de Dubrovnik.

Fique com um vídeo que mostra bem o clima gostoso pelas ruas de Dubrovnik. Que cidade delícia!!!

[GUIA LOCAL]

Se tem uma coisa que eu AMO fazer quando vou a um país assim como a Croácia, riquíííssimo em história, é contratar um guia local privado, para aprender mais sobre o lugar e, assim, aproveitar melhor a viagem. Dar mais contexto a tudo aquilo que estou vendo, sabe?! Infelizmente, quando estive em Dubrovnik, ainda não conhecia a Natasa do “Dubrovnik em Português”. Mas meus sogros utilizaram os serviços dela recentemente e amaram. Recomendam muito! Deixo aqui o contato dela:

Natasa Brailo
site: dubrovnikemportugues.com
e-mail: info@dubrovnikemportugues.com
whatsapp & cel: (+385) 9117 97490
instagram: @dubrovnik_em_portugues
snapchat: dubrovnik_port

>> Próximo post: a famosa ilha de HVAR, a “estrela da vez” do verão europeu (já há alguns anos)! Para ler, clique aqui.

Obrigada pela visita! Aliás, Hvala! (leia “koalá”, obrigado em croata!!).

Beijos, Lala Rebelo

Siga-me também no instagram @lalarebelo

↑ Voltar ao começo do post

Comentários